Publicidade
Entretenimento
Buzz

Escritor Ariano Suassuna, cansado de esperar, é flagrado deitado em aeroporto

Autor de ‘O Auto da Compadecida’ precisava esticar as costas e acabou usando o próprio chão do aeroporto para o ato; falta de conforto para idosos e longa espera em filas causaram revolta entre internautas 22/04/2014 às 21:55
Show 1
Imagem do escritor foi feita por um passageiro do mesmo voo
ACRITICA.COM Brasília (DF)

Ariano Suassuna, uma dos mais respeitados escritores brasileiros, autor de obras como “O auto da Compadecida”, foi flagrado nesta terça-feira, deitado em pleno chão do Aeroporto de Brasília. O escritor, que estava na capital federal para uma série de compromissos, se deitou e apoiou a cabeça numa pasta. A informação é do jornal Extra.

Ariano, de 87 anos, estava aguardando um voo para Recife quando foi fotografado por um outro passageiro na sala de embarque. O aeroporto estava lotado por conta do fim do feriado prolongado. A foto foi postada pelo passageiro no Facebook e vem sendo compartilhada por dezenas de pessoas.

A assessoria de imprensa do escritor confirmou ser ele na foto: "Ele precisa esticar as costas. É um hábito comum dele, não foi uma forma de protesto, mas pena que os aeroportos não ofereçam conforto para os passageiros". No fim de semana, Ariano foi homenageado na Bienal do Livro, em Brasília.