Publicidade
Entretenimento
Buzz

Filme com Bruce Willis é sucesso na abertura do Festival de Cannes

Depois de anos sem um filme importante, Bruce Willis volta às telas num filme autoral como o capitão Ward, que conduz a busca pelo garoto 16/05/2012 às 14:27
Show 1
O ator norte-americano Bruce Willis durante coletiva do filme "Moonrise Kingdom", no 65º Festival de Cannes, na França (16/05/2012)
UOL/CINEMA ---

Cannes começou acertando: o filme americano independente “Moonrise Kingdom” é o melhor longa de abertura do festival em muitos anos. É tão bom que está até na competição pela Palma de Ouro. O diretor Wes Anderson (de “Viagem a Darjeeling” e “O Fantástico Senhor Raposo”) conta a história de um menino escoteiro nos anos 60 que foge do seu acampamento para encontrar a menina que gosta e fugir com ela.

Seus colegas escoteiros de início o odeiam, mas depois dão todo o apoio ao garoto. Uma história de amor proibido pelos adultos do filme – um elenco estelar que inclui Bruce Willis, Bill Murray, Edward Norton e Tilda Swinton (definida o tempo todo como “a assistente social”). O visual colorido e nostálgico em Tecnicolor parece aquele efeito envelhecido que se pode pôr nas fotos do Instagram.

Depois de anos sem um filme importante, Bruce Willis volta às telas num filme autoral como o capitão Ward, que conduz a busca pelo garoto. “É renovador ser convidado para atuar de um modo bem específico, numa indústria em que às vezes não há nenhum ensaio. É bom ser dirigido por alguém diferente e ensaiar. Wes conseguiu fazer um filme sobre um monte de crianças que nem parecem estar atuando”, disse.

Bill Murray brincou com o colega: “Era engraçado ver Bruce com seu andar de estrela no set desse filme. O mais engraçado é que ele tem uma cena ‘Duro de Matar’ no final do filme. Nos filmes de arte a gente costuma trabalhar muito e não ganhar nada. Bruce, continue fazendo seus filmes comerciais para poder trabalhar com a gente depois”, emendou.


Edward Norton falou do sonho de trabalhar numa companhia de teatro, como o grupo de atores reunido neste filme. “Toda vez que sai um pôster de um filme novo do Wes Anderson, muitos atores pensam: ‘nossa, deve ser tão divertido...’ Agora realizei esse sonho.”

O diretor Wes Anderson contou que levou oito meses para encontrar as crianças que fariam o casal principal – a menina, Kara Hayward, lembra uma Scarlet Johansson mais nova. “Para este filme, tive que reencontrar sentimentos antigos, como a emoção se apaixonar ainda garoto”, contou. Com os adultos, o processo é mais fácil. “Adoro trabalhar com os amigos, pessoas que sempre voltam aos meus filmes”, diz. Bill Murray, por exemplo, está em todos os seus filmes.