Publicidade
Entretenimento
Vida

Filmes desta sexta-feira (12) trazem 'A Entidade', 'Procurando Nemo 3D' e '31 Minutos'

No feriadão do Dia das Crianças, as novidades em cartaz incluem também opções voltadas para os adultos 11/10/2012 às 08:18
Show 1
Cena do filme 'A Entidade'
a crítica Manaus, AM

A Entidade

No feriadão do Dia das Crianças, as novidades em cartaz incluem também opções voltadas para os adultos. Entre elas está o filme de terror “A entidade”, que traz o astro Ethan Hawke no papel de um escritor de livros policiais que vive um pesadelo depois de se mudar com a família para a casa onde ocorreu um assassinato. O longa-metragem entra em cartaz amanhã no circuito nacional.

No filme, Hawke é Ellison, um escritor de romances policiais que está atrás de uma nova história. Depois de se mudar para uma nova casa, ele descobre uma caixa com algumas gravações que mostram como e porque a família que morava lá anteriormente foi assassinada. Só que essa descoberta coloca a família do próprio escritor num intenso envolvimento com um terror sobrenatural.

“A entidade” tem direção de Scott Derrickson (“O exorcismo de Emily Rose“), que também assina o roteiro da produção ao lado do estreante C. Robert Cargill. Além de Hawke e D’Onofrio, estão na película Juliet Rylance (do francês “Animal”) e James Ransone (da série televisiva “How to make it in America”).

Impactante

Colocando o foco na trama, “A entidade” difere da maioria dos filmes de terror da atualidade. Derrickson emprega o tempo do filme tanto investindo no roteiro quanto em assustando o espectador, mais ou menos da mesma forma como fez em “O exorcismo de Emily Rose”.

Nesse caso, o público tende a ter uma identificação ainda maior, pois os personagens são mais desenvolvidos e têm maior profundidade, o que também estabelece o longa mais como um drama sobre família do que um filme de horror propriamente dito.

Na pele de Ellison, Hawke exibe uma grande performance – ao longo de todo o filme, mas especialmente nas cenas em que seu personagem manifesta sua frustração. Juliet Rylance, que interpreta sua – tão frustrada quanto – esposa, também exibe uma ótima atuação.

Além do casal principal, são destaque também os atores que fazem os papéis infantis. Michael Hall D’Addario, que faz o papel de Trevor, protagoniza algumas das cenas mais chocantes e aterrorizantes do longa.

Procurando Nemo 3D

Vencedor do Oscar de Melhor Longa-Metragem de Animação, “Procurando Nemo” (2003) vai voltar aos cinemas, agora em versão 3D. A nova estreia será amanhã. A animação, produzida pela Disney/Pixar, conta a história de um peixe-palhaço pai, Marlin, que sai em busca do filho, Nemo. Ele se perdeu no oceano e foi parar bem longe de casa.

Após perder quase toda a família no ataque de um predador, Marlin se tornou um pai superprotetor de seu único filho. Para provar ao pai que pode se virar sozinho, resolve nadar em mar aberto, quando é capturado por um mergulhador e levado para Sydney.

Decidido a encontrá-lo, Marlin nada por todo o oceano, enfrentando todo tipo de perigo ao lado de Dory, um peixinho-fêmea muito simpático, mas meio esquecido. Juntos, eles enfrentam tubarões e pegam carona com tartarugas marinhas.

Nas sessões de “Procurando Nemo 3D”, será exibido um curta antes do filme. É o “Festa-Sauro Rex” que traz de volta alguns personagens de “Toy Story”. O curta mostra a menina Bonnie obrigando Rex a tomar banho. O tiranossauro surpreende a todos e a banheira vira uma festa.

31 Minutos

Aproveitando a deixa do Dia das Crianças, outros filmes voltados ao público infantojuvenil também voltam às telas neste final de semana. É o caso de “31 minutos”, animação com bonecos baseada no seriado humorístico homônimo da Nickelodeon. O longa será exibido na “Sessão Replay” do Cinemark Studio 5.

No filme, Juanín, o produtor do noticiário “31 minutos”, um workaholic meigo, leal e ingênuo, pedala de sua casinha no Centro até o estúdio do programa, sem saber que está para ser sequestrado por uma milionária perversa, colecionadora de animais.

Na trama, Juanín é desvalorizado pelo apresentador Tulio até que seu sumiço provoca uma corrida dos colegas do programa televisivo para salvá-lo. Com cenas de suspense e perseguição, o filme reforça a importância da amizade e da liberdade.