Publicidade
Entretenimento
Buzz

Mãe de Michael Jackson estaria na casa de parentes, segundo polícia

Uma pessoa teria contado à agência de notícias AP que Katherine está com sua filha Rebbie, descansando por ordens médicas 23/07/2012 às 10:31
Show 1
Paris Jackson e a avó Katherine participam de homenagem à Michael Jackson
uol/celebridades ---

Depois de ter sido declarada desaparecida no sábado (21), Katherine Jackson, 82, a mãe de Michael Jackson, estaria na casa de familiares, segundo informações dadas pela polícia de Los Angeles ao site TMZ.

Em comunicado, o departamento de polícia diz: "Fomos informados de que Katherine Jackson está na casa de parentes. No último sábado, um outro membro da família havia nos comunicado que não conseguia falar com ela e que estava preocupado com seu bem-estar. Continuamos fazendo esforços para encontrá-la e pedir que ela fale com o departamento de pessoas desaparecidas da polícia de Malibu".

Uma pessoa teria contado à agência de notícias AP que Katherine está com sua filha Rebbie, descansando por ordens médicas. A advogada de Katherine também divulgou um comunicado, no qual não confirma nem desmente o desaparecimento, mas critica as informações que haviam sido divulgadas pela imprensa de que sua cliente estaria com a saúde debilitada. "Quando os filhos de Michael a viram, em 15 de julho, ela estava muito bem, fisicamente e mentalmente", explicou.

Na noite de sábado (21), um sobrinho registrou o desaparecimento no departamento de polícia de Los Angeles, após uma semana sem conseguir contato com a tia de 85 anos. A filha de Michael, Paris, comentou o assunto no Twitter, confirmando na madrugada deste domingo (22) que sua avó está desaparecida. "Não falo com ela há uma semana. Quero ela em casa agora. Se alguém vir minha avó, por favor ligue para as autoridades", escreveu a menina de 14 anos.

Paris ainda continuou: "O mesmo médico que testemunhou em defesa do Dr. Murray [condenado pela morte de Michael Jackson] dizendo que meu pai era um viciado em medicamentos (uma mentira) está cuidando de minha avó... só dizendo". Em entrevista a CNN, o advogado de Katherine confirmou a história e disse que ela nunca passou mais de um dia sem falar com seus netos.

No entanto, na sexta-feira (20), Jermaine Jackson, irmão de Michael, disse em seu Twitter que Katherine havia sofrido um "mini-AVC" meses atrás, mas que ela estaria bem agora. "Ela está descansando no Arizona sob ordens médicas, e não nossas. Não estamos inventando ou tramando alguma coisa", escreveu.

Paris em guerra com família
No início da semana, Paris disse no Twitter que seu tio Randy Jackson estava espalhando mentiras sobre a família. O desentendimento nasceu de uma carta que teria vazado na internet nesta semana, na qual Randy --junto de outros familiares do cantor como Jermaine, Janet, Tito e Rebbie-- exigem que John Branca e John McClain abram mão de suas posições de representantes do espólio de Michael Jackson.

Na carta, os familiares criticam Branca e McClain, afirmando que eles falharam em suas obrigações e tiraram vantagem da família. Randy confirmou a autenticidade da carta na noite de terça-feira (17), no dia seguinte Paris falou que seu tio está mentindo.

"Eu quero esclarecer que o que foi dito sobre a minha avó é um rumor e nada aconteceu. Ela está bem", escreveu ela no microblog. Pouco depois, Paris enviou uma mensagem para Randy. "Olá querido membro da família, eu não gosto que você conte para as pessoas coisas que não são verdade. Muito obrigada." Paris depois apagou as mensagens.

Michael Jackson morreu em 2009 por overdose de Propofol, um poderoso anestésico que ele estaria usando para conseguir dormir.