Publicidade
Entretenimento
Vida

Manauense lança campanha para conseguir namorado e faz sucesso na internet

Tudo nasceu como uma brincadeira, mas que repercutiu e ganhou força nas redes sociais. Camilla de Carvalho mora em São Paulo há mais de um ano e lançou uma campanha para conseguir um namorado 14/05/2012 às 22:45
Show 1
A arquiteta Camilla de Carvalho espera por um par perfeito na campanha 'Um namorado para Camilla"
MAYARA BRILHANTE ---

Uma brincadeira com fundo de verdade fez com que a busca por um namorado tomasse conta das redes sociais. A manauense Camilla de Carvalho (24), que mora na capital paulista desde fevereiro de 2011, resolveu criar um blog para encontrar sua cara-metade. ‘Um namorado para Camila’ foi lançado na última quarta-feira e tornou-se febre na internet. A arquiteta fez ainda um vídeo para divulgar a campanha e só na tarde desta segunda (14), conta com mais de 300 mil acessos, além de uma hashtag no Twitter #forçacamila

“O blog surgiu como uma brincadeira, mas se der certo melhor ainda. Desde que foi ao ar, recebi mais de cinco mil emails de candidatos de todo o Brasil e até de outros países. Quero uma companhia, não gosto de ficar só”, revela Camila.

Camila conta que antes de se mudar para São Paulo, onde estuda pós-graduação, teve um relacionamento de quase três anos. “Quando mudei de cidade, minha vida tornou-se um inferno. Conheci uma pessoa e estava apaixonada, mas não era recíproco, vivia em um relacionamento aberto e isso me fez mal”, conta “até o dia em que resolvi jogar tudo pro alto, se nada der certo, viro freira”, brinca.

Para o perfil de namorado ideal, Camila diz que não liga muito para o lado físico, mas que gostaria de um companheiro com o mesmo perfil que o dela. “Gosto de rock, de ir para shows, sair para fazer algo interessante. Estou aceitando os rapazes de Manaus também!”

Os pretendentes precisam ter, de preferência, um estilo mais despojado. “Toda semana vou colocar no site o tipo de estilo que eu gosto, mas para adiantar, adoro cachos, cabelo bagunçado. Ele deve ser hétero, ter cara de malvadão, ser cheiroso e gostar de boa música e saber escrever português.”, revela.

Quanto às críticas de sua campanha, a arquiteta rebate. "Claro que recebi muitas mensagens negativas, pessoas me xingando e falando besteiras. Mas eu rio de tudo, sabia que desde o começo ia ser assim. Procuro não me abalar."

Ainda não há uma data definida para a divulgação dos sortudos, mas quem quiser, pode se candidatar pelo próprio site preenchendo uma lista ‘básica’. Como a própria Camila diz, “venda o seu peixe”.