Publicidade
Entretenimento
Vida

Manaus começa receber delegações para os Jogos Escolares do Amazonas

Estudantes-atletas de Parintins, Nhamundá, São Sebastião do Uatumã e Itacoatiara já estão concentradas na Vila Olímpica de Manaus 31/07/2012 às 19:38
Show 1
Delegação de São Sebastião do Uatumã
Acritica.com Manaus (AM)

Na sua 35ª edição, os Jogos Escolares do Amazonas (JEA´s) prometem movimentar mais de 17 mil estudantes da capital e interior do Estado, de 2 a 11 de agosto. Mais de 30 municípios brigam pela melhor colocação e as delegações já começam a chegar à capital amazonense.

No total, 27 modalidades olímpicas e sete paraolímpicas integram a programação do evento realizado pelo Governo do Amazonas, via Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel).

Estudantes-atletas de Parintins, Nhamundá, São Sebastião do Uatumã e Itacoatiara já estão concentradas na Vila Olímpica de Manaus. Distante 192 km da capital, a delegação de Urucurituba é uma das maiores da competição.

O grupo que chegou na tarde desta terça-feira, 31 de julho, está eufórico para participar dos jogos. Com contingente de 50 competidores, o município promete brigar pelos primeiros lugares no pódio.

“Viemos para Manaus para sermos campeões”, disse a coordenadora do grupo, professora Itamar Maciel.  Ela também falou que o bom rendimento da equipe na seletiva fez com que os estudantes viessem confiantes para Manaus. “Temos atletas nas modalidades atletismo, handebol, tênis de mesa e xadrez”, explicou Itamar Maciel.

Pela primeira vez na competição, as jogadoras de futsal de Nhamundá contam as horas para entrar em quadra. Glenda Caroline, de 16 anos, diz que o grupo está preparado e  aguardando os jogos.

“Somos muito competitivas. As meninas do meu time sempre se destacam nas competições. Sei da dificuldade que vai ser vencer aqui, mas a força e união farão com que a gente se dê bem nos jogos”, comentou a atleta.  

Huadan Silva tem 16 anos e representa o município de São Sebastião do Uatumã. O garoto, que participa pela primeira vez dos JEA’s, é um dos destaques da equipe.

“É minha primeira disputa fora da minha cidade e vou fazer o possível para sair daqui com uma medalha”, diz o atleta, que treina num campo de futebol. “Gosto de treinar no campo, pois acho que consigo ter mais resistência. Esse pode ser o diferencial nos JEA’s”.