Publicidade
Entretenimento
Vida

Natiruts se apresenta com show de reggae acústico em Manaus

Gravado no Rio de Janeiro, o ‘Acústico Natiruts’ faz uma homenagem à música. Este é o oitavo CD da banda em 16 anos de carreira 22/10/2012 às 11:22
Show 1
Alexandre Carlo, vocalista do Natiruts
A Crítica Manaus (AM)

Depois de 16 anos na estrada, os brasilienses da Natiruts não precisam provar mais nada para ninguém. Com a carreira consolidada – que inclui turnês internacionais –, a banda que passou por diversas mudanças em sua formação mostra, às 22h da próxima terça-feira, 23, véspera de feriado, como se faz um bom reggae acústico. O show acontece na praia do Tropical Hotel, e traz, ainda o rock dos Raimundos, com pré-show de Adriano Arcanjo.

Os ingressos de segundo lote custam R$ 40 (pista/meia entrada) e R$ 100 (área VIP). As entradas estão à venda nas lojas Granada Beach (Manauara e Amazonas Shopping), Mr. Pizzo (D. Pedro), Posto Arena (em frente à Arena da Amazônia “Vivaldão”), no site ingressosbuy.com e com os formandos de Medicina da Universidade Estadual do Amazonas (UEA). O acritica.com conversou com a banda antes do show.

Com o lançamento do DVD pela Sony, como você define o momento do Natiruts?

A Sony veio para somar dentro de um trabalho que já é consistente. Logicamente que o alcance e o acesso aos meios de comunicação aumentam muito. E isso será importante para esse DVD que é muito especial para nós.

A proposta do novo trabalho é aproximar ainda mais o grupo dos seus seguidores, num clima intimista e repleto de experimentações. Como você avalia a receptividade do público com as novas músicas? Tem como fazer uma comparação com os clássicos da banda?

Os clássicos um dia foram inéditos. Então o processo é o mesmo, de renovação constante. Não queremos nos apoiar no passado. Queremos celebrar o passado mas construir um futuro também.

O que não pode faltar no repertório? E de que forma vocês definem o que vai entrar no setlist, qual o critério?

O setlist será baseado no DVD e, por ser um show acústico, temos a possibilidade de explorar climas diferentes durante o show.

O que podemos esperar do show de vocês aqui?

Os nossos shows, mesmo elétricos, têm esse clima de luau. Só que um luau bem mais agitado.  E o acústico não será diferente.

 O evento contará ainda com o show dos Raimundos. Existe a possibilidade de improvisar as duas bandas no palco, em alguma música juntos?

Sempre. Somos da mesma cidade e da mesma geração. E o reggae e o rock de certa forma sempre andaram juntos.

Raimundos segue firme

Depois de um ano de muito trabalho, com mais de 60 shows pelo Brasil e cerca de 150 mil espectadores, o Raimundos reafirma sua volta ao topo do rock nacional. Em Manaus, a banda apresenta o trabalho produzido por Denis Porto, intitulado “Roda viva”.

Digão assumiu os vocais e junto com o baixista Canisso, seu velho parceiro de banda, após um fim brusco e inesperado da banda. Eles, então, retomaram a agenda de shows e o gosto pela vida na estrada.

No novo disco, o Raimundos apresenta todos os seus grandes sucessos, além da canção inédita intitulada “Jaws”.

Horário dos shows

A ordem das apresentações do Luau já está definida: primeiro, às 22h, o músico Adriano Arcanjo sobe ao palco para esquentar o público. Em seguida, à meia-noite, é a vez do reggae power de Natiruts, seguida por todo o rock dos Raimundos, às 2h.

Serviço

O que é: Luau Natiruts e Raimundos

Onde: Praia do Tropical Hotel, Ponta Negra

Quando: Terça-feira, 23, às 22h

Quanto: R$ 40 (2º lote de pista - estudante) e R$ 100 (área VIP)