Publicidade
Entretenimento
Artes visuais

Parceiro da arte, Icbeu comemora 60 anos e inaugura exposição fotográfica

Em cartaz até o dia 10 de junho a partir desta sexta-feira, a mostra é composta por 60 fotografias sobre a vida no Amazonas, porém retratadas por meio de múltiplas linguagens 12/05/2016 às 14:19 - Atualizado em 12/05/2016 às 14:23
Show navarro
(Foto: Gedeon Santos Filho)
Felipe Wanderley Manaus (AM)

Ao longo de seus 60 anos de fundação, comemorados em 2016, o Instituto Cultural Brasil Estados Unidos (Icbeu) fez parte da história e da vida cultural de Manaus, como importante ponto de difusão do trabalho de várias gerações de artistas locais. E no ano em que completa seis décadas na capital amazonense, é para esses artistas  que a instuituição dedica a mostra que abre o calendário cultural comemorativo dos seus 60 anos. A exposição “Photo Icbeu 60th”, que inaugura nesta sexta-feira, na Galeria do Icbeu, reúne uma parte do trabalho de 26 fotógrafos, cujas obras dão uma mostra da multiplicidade criativa da arte fotográfica amazonense.

Em cartaz até o dia 10 de junho a partir desta sexta-feira, a mostra é composta por 60 fotografias sobre a vida no Amazonas, porém retratadas por meio de múltiplas linguagens. A curadoria é do artista plástico e dramaturgo Sérgio Cardoso. “Tem uma leitura contemporânea da visualidade de Manaus, do entorno e do interior do Estado. É um pequeno inventário visual de 60 fotos desses artistas”, disse Cardoso, empolgado, em entrevista ao Bem Viver, ressaltando que na mostra estão expressas desde o cenário arquitetônico da região até a “gestualidade amazonense”.  “O movimento de fotografia do Amazonas está muito bem representado”, comemora o curador.

Assinando os trabalhos, há  desde nomes consagrados na fotografia amazonense, como Carlos Navarro, Alex Pazuello, Ana Cláudia Jatahy, Raphael Alves, Lula Sampaio e José Zamith. Mas também gratas novidades em ascensão na arte visual no Amazonas, como o estreante Anderson Yamada que, assim como o jovem casal Thaís Tabosa e Rodrigo Thomzhinsky, traz à exposição a beleza e sensualidade da mulher amazonense em suas obras de nu artístico. “Será maravilhoso expor pela primeira vez meu trabalho, que é uma vertente da fotografia que ainda sofre muito preconceito”, diz ele.

Com 50 anos de fotografia, o veterano Carlos Navarro, venezuelano radicado em Manaus e um dos grandes entusiastas do movimento fotográfico local, também elogiou a iniciativa do Icbeu. “O Icbeu sempre teve preocupação de olhar para a cultural local, os artistas visuais e de outras áreas”, diz ele, que também observa o surgimento de uma nova e talentosa geração de artistas visuais na região. “Pra mim serve de estímulo”, diz ele.

Ano de comemorações

A Secretária Geral do Icbeu Manaus, professora Ruth Alencar, ressaltou a importância cultural do Instituto na cidade e explicou que a exposição “Photo Icbeu 60th” faz parte das celebrações do “jubileu de diamante” da instituição, que conta com uma programação de exposições e eventos culturais para o ano todo. “A próxima exposição irá privilegiar a fina nata dos pintores manauaras ou amazonenses de coração”, diz ela, adiantando a segunda mostra do ano, que ocupará galeria nos meses de junho e julho.

Serviço

O quê: “Photo Icbeu 60th”

Onde: Galeria do Icbeu, no prédio do instituto, rua Joaquim Nabuco, nº 1286, Centro

Onde: Amanhã, às 19h horas; até o dia 10 de junho