Publicidade
Entretenimento
Buzz

Produção do Polo Industrial de Manaus cresceu tímidos 0,1% em janeiro deste ano

Os dados foram revelados por pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que verificou ainda, que o Estado figura entre as cinco Unidades da Federação que não apresentaram queda na produção em janeiro deste ano. (Amazonas (0,1%), Bahia (12,6%), Rio Grande do Sul (0,5%), Goiás (3,3%) e Região Nordeste (5,7%) 13/03/2012 às 11:16
Show 1
Os setores que contribuíram para manter o crescimento na produção do Amazonas continuam sendo os de material eletrônico, aparelhos e equipamentos de comunicação (27,6%).
JOELMA MUNIZ Manaus

A produção industrial do Amazonas demonstrou tímido crescimento de (0,1%), no primeiro mês do ano, quando comparada ao mês de dezembro de 2011, onde avançou (2,6%).

Os dados foram revelados por pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que verificou ainda, que o Estado figura entre as cinco Unidades da Federação que não apresentaram queda na produção em janeiro deste ano. (Amazonas (0,1%), Bahia (12,6%), Rio Grande do Sul (0,5%), Goiás (3,3%) e Região Nordeste (5,7%).

Os setores que contribuíram para manter o crescimento na produção do Amazonas continuam sendo os de material eletrônico, aparelhos e equipamentos de comunicação (27,6%). O motivo apontado pelo IBGE foi o avanço na produção de televisores e de telefones celulares.

Outro setor que influenciou o resultado foi o de refino de petróleo e produção de álcool (19,7), influenciado pela maior produção de gasolina automotiva.

Queda

Alguns setores no Amazonas amargaram queda em janeiro deste ano, A exemplo dos setores de alimentos e bebidas (-9,7%), edição e impressão (-15,0%), máquinas e equipamentos (-8,7%), produtos de metal (-10,2%), o que para o IBGE aconteceu pelo recuo na produção de preparações em xarope e pó que servem para elaborar bebidas; discos de vídeo (DVD); condicionadores de ar e aparelhos de barbear.