Publicidade
Entretenimento
Vida

Revista “Nossa Terra” será lançada esta semana nas escolas participantes do Jovens Autores

A publicação é composta pelos melhores contos amazônicos escolhidos entre mais de 900 criados por estudantes do 5º ao 9º ano, que participaram da primeira fase do projeto Novos Autores 16/10/2012 às 08:36
Show 1
A primeira obra será lançada e entregue nesta terça (16), na Escola de Tempo Integral Irmã Gabrielle Cogels, na rua Barroso, Puraquequara, às 14h
a crítica Manaus, AM

Alunos de dez escolas estaduais e municipais participarão, a partir desta terça (16), do cronograma de lançamento da revista “Nossa Terra”. A publicação é composta pelos melhores contos amazônicos escolhidos entre mais de 900 criados por estudantes do 5º ao 9º ano, que participaram da primeira fase do projeto Novos Autores.

A primeira obra será lançada e entregue nesta terça (16), na Escola de Tempo Integral Irmã Gabrielle Cogels, na rua Barroso, Puraquequara, às 14h. Nesta segunda fase da iniciativa, cada uma das instituições participantes receberá a publicação, que traz dez histórias de cada unidade educacional. O cronogra ma de lançamento segue até sexta-feira, dia 19.

O projeto teve início em 2008 e está na quinta edição. Na edição deste ano, as escolas participantes são: Escola Estadual Prof Dorval Varela, Escola Integral Irmã Gabrielle, Escola Municipal Vicente Cruz, Escola Municipal Lucila Frutas, Escola Letício de Campos, Escola Estadual Raimundo Gomes, Escola Municipal Eliana Lúcia, Escola Integral Garcitylzo do Lago, Escola Municipal Violeta de Mattos e Escola Municipal Professora Francisca Campos.

O projeto Pequenos Autores é desenvolvido pelo Grupo Simões, em parceria com a Secretaria de Estado da Educação do Amazonas (Seduc). Neste ano, a ação passou a contar, também, com a parceria da Secretaria Municipal de Educação (Semed), que aderiu à iniciativa, cuja proposta é incentivar o surgimento de novos talentos literários.

“É dessa forma, difundindo a rica cultura Amazônica, que o projeto encontrou uma forma de estimular a escrita, o hábito da leitura e a criatividade de estudantes”, ressalta o diretor comercial de bebidas do Grupo Simões, Bruno Sobral.