Publicidade
Entretenimento
Buzz

Roger Waters chega ao Brasil com "The Wall - Live"; turnê começa neste domingo em Porto Alegre

O show de cerca de duas horas, escrito e produzido por Roger Waters, traz efeitos especiais como as imagens de Gerald Scarfe, o avião batido, o som quadrafônico, e o famoso porco voador do Pink Floyd 24/03/2012 às 16:56
Show 1
O primeiro show, na noite de domingo, é em Porto Alegre, depois, o músico segue para o Rio de Janeiro e para São Paulo
UOL/Música ---

Depois de dois shows em Santiago e nove apresentações somente em Buenos Aires, Roger Waters traz a grandiosa turnê "The Wall - Live" ao Brasil. O ex-baixista do Pink Floyd começa neste domingo (25) a perna brasileira de sua excursão pela América do Sul.

O primeiro show, na noite de domingo, é em Porto Alegre no Estádio Beira-Rio, a partir das 20h. Depois, o músico segue para o Rio de Janeiro (Estádio Olímpico João Havelange) na quinta-feira (20) e para São Paulo (Estádio do Morumbi) nos dias 1º e 3 de abril.

O show de cerca de duas horas, escrito e produzido por Roger Waters, traz efeitos especiais como as imagens de Gerald Scarfe, o avião batido, o som quadrafônico, e o famoso porco voador do Pink Floyd. Em certo momento, o cantor homenageia pessoas que perderam suas vidas em guerras, e o brasileiro Jean Charles de Menezes, morto no metrô de Londres em 2005, também é lembrado.

Os famosos versos de "Another Brick in The Wall - Part 2", que um dia serviram para criticar o sistema educacional britâniico, ganharão novas vozes na passagem de Roger Waters. Os shows em São Paulo terão a participação de um coral de 15 crianças do Instituto Baccarelli, de Heliópolis. No Rio, serão 15 adolescentes da escola de música da Rocinha.

Em cada local de apresentação é construída uma parede de 137 metros de largura e 11 metros de altura. Os 424 tijolos utilizados são reciclados e re-reciclados após o uso. Ao todo, são usadas 57 toneladas de equipamentos de chão, 55 toneladas de cenário, 32 quilômetros de cabos, 172 alto-falantes, 23 projetores, 21 caminhões e 12 mesas de som. 

É preciso uma equipe de 66 pessoas para montar o show, fora a equipe local, com mais 80 pessoas. O arquiteto Mark Fisher, que também é responsável pela montagem da turnê "360º", do U2, cuidará do equipamento visual e sonoro que acompanha Waters nos palcos.

Antes da turnê atual, que passou pelos Estados Unidos e Europa, o show havia sido realizado apenas 29 vezes entre 1980 e 1981, e em julho de 1990, em Berlim, quando foi celebrada a queda do muro em apresentação para quase 500 mil pessoas na Potsdamer Platz.

Originalmente lançado em novembro de 1979 e tocado pela primeira vez ao vivo em 1980, o álbum "The Wall" foi o mais vendido daquele ano e ainda está entre os cinco discos mais vendidos de todos os tempos nos EUA. Também se tornou filme, dirigido por Alan Parker, com roteiro de Roger Waters, lançado em 1982.

 

Publicidade
Publicidade