Publicidade
Entretenimento
Buzz

"Sinceramente nós não entendemos", diz Emílio sobre decisão de Silvio Santos

Segundo Surita, Silvio Santos sempre foi um parceiro. "Nós, do ‘Pânico’, lamentamos essa decisão. Ele sabe que só fazemos humor", afirmou ao UOL nesta terça-feira (5) 05/06/2012 às 18:36
Show 1
Emílio Surita no UOL Vê TV
UOL/TELEVISÃO ---

O apresentador Emílio Surita disse lamentar que a decisão judicial que proíbe o "Pânico na Band" de se aproximar ou imitar o apresentador Silvio Santos.

Segundo Surita, Silvio Santos sempre foi um parceiro. "Nós, do ‘Pânico’, lamentamos essa decisão. Ele sabe que só fazemos humor", afirmou ao UOL nesta terça-feira (5).

Apesar da insatisfação, Surita disse que o programa irá respeitar a determinação da Justiça.

O diretor do programa, Alan Rapp, também  lamentou a decisão e desabafou sobre o assunto no sábado (2) no Twitter: "Todos do #PanicoNaBand estão muito tristes com o SS [Silvio Santos]. Sempre fomos parceiros, sempre demonstramos nosso carinho pelo Mestre SS."

A liminar foi pedida pelo dono do SBT e proferida pelo desembargador Vito Guglielmi, do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. Segundo a decisão, os integrantes estão proibidos de imitá-lo e deve manter uma distância de no mínimo 100 metros. Um aborrecimento com uma dublagem de Silvio Santos feita no “Pânico” teria sido o motivo da ação.

A ordem se estende à toda a Band e a multa diária de seu descumprimento é de R$ 100 mil. A emissora não deve recorrer.