Publicidade
Especial
Especiais

Points de Parintins: Turista está bem servido de opções

Amazonastur preparou um mapa que lista roteiro destinado aos visitantes da Ilha Tupinambarana, com os pontos turísticos imperdíveis 23/06/2014 às 11:35
Show 1
Mapa turístico de Parintins (AM) lista os atrativos que a Ilha Tupinambarana oferece aos turistas - expectativa é que o fluxo de estrangeiros aumentem
Jhonny Lima Parintins (AM)

Os mais de 80 mil turistas previstos para chegarem à cidade de Parintins, no período do 49º Festival Folclórico, terão diversas opções de lazer e entretenimento enquanto aguardam o duelo na arena entre Garantido e Caprichoso nas três noites de apresentações dos Bumbás. O Governo do Estado, por meio da Amazonastur,montou um guia para ajudar o turista. Roteiro obrigatório para todos que visitam a Ilha Tupinambarana, a Catedral de Nossa Senhora do Carmo encanta os visitantes devido a sua beleza e grandiosidade cultural e estrutural.


Localizada na avenida Amazonas, Centro, a Pedra Fundamental foi colocada no dia 16 de julho de 1960 e nunca chegou a ser inaugurada. Projetada na Itália e construída em tijolo aparentes, ela possui uma torre de 40 metros de altura. A torre conta com 162 degraus na qual do alto o turista pode ter uma visão privilegiada da cidade e do rio Amazonas. Para subir todos os degraus é necessário pagar uma quantia simbólica para ter acesso à torre.

Outro “point”que recebe sempre muitos turistas é a orla da cidade. Bares, restaurantes e passeios no local acontecem com frequência. Na orla também é possível apreciar um dos melhores pôr do sol de Parintins, nas proximidades da Praça do Comunas. O local também é destino certo para quem quer tomar uma cerveja e refrigerante gelados, além de ser ponto de encontro para boas conversas.


CENTRO HISTÓRICO

Retratando a origem da cidade de Parintins, o Centro Histórico exalta a política, cultura e economia da cidade no início do século 20. A rua Coronel José Augusto mostra um corredor arquitetônico com várias casas com cores variadas, típico no início da Cidade.

No período do Festival Folclórico, a rua Rui Barbosa é tomada por brincantes que visitam o Mercado Municipal para comprar produtos tipicamente parintinense. Os bares Chapão e Comunas, nas ruas Rui Barbosa e Caetano Pestres, são estabelecimentos que recebem um público específico: Caprichoso no Chapão e Garantido no Comunas.

BUMBÓDROMO

Além das apresentações dos bois Garantido e Caprichoso, o Bumbódromo se destaca não somente pela disputa na arena. O muro do Bumbódromo também é dividido entre Garantido e Caprichoso no quesito criatividade escultural, onde milhares de pessoas que chegam à Ilha têm que passar para fazer fotos. 


Do lado do Boi Vermelho, figuras indígenas extraindo o leite da seringueira, pescador, casa de farinha, cobra-grande, dentre outros, destacam a obra dos artistas parintinenses. No espaço do Boi Azul, peixe boi, agricultores, guerreiras amazonas, mapinguari, paisagens e lendas amazônicas retratam o dia a dia e o misticismo do povo amazônida.

ARTESANATO

No período de 26 a 29 de junho ocorre a 12ª Mostra de Artesanato de Parintins na área em frente à Catedral de Nossa Senhora do Carmo com exposição dos trabalhos de 80 artesãos em parceria coma Secretaria de Estado do Trabalho (Setrab).A exposição acontece das 10h às 22h. A entrada é aberta ao público e gratuita.

Quem deseja ter um contato a mais com a natureza, há os passeios turísticos de fácil localização. A Serra de Parintins fica na divisa com o Pará e possui uma elevação de 154 metros. No Morro de Santa Rita dá para contemplar belas vistas dos vales da região. O acesso aos dois lugares é por meio de barco, com duração de 40 minutos de viagem.

No lago do Macurany tem o “Flutuante da Soraya”, um píer com aterramento onde as pessoas podem tomar banho com tranquilidade e almoçar no local. O flutuante fica na Rua Agostinho Cunha, São Vicente, com entrada gratuita. Outros três balneários são muito visitados no período de alta temporada em Parintins: Praia de Taracuera, no rio Uaicurapá; Praia do Varre Vento, entre os rios Mamuru e Uaicurapá; e o balneário do Canta Galo, na avenida Gomes de Castro.

PESCA

Aos amantes da pesca esportiva, os rios Macurany, Parananema, Aninga, Zé Açu, Andirá e Uairapá são usados para a realização da prática esportiva. Todos os rios ficam nas proximidades da comunidade rural Vila Amazônia, há 40 minutos de barco.

CLIMA DE COPA

A exposição “Parintins Arte na Copa”, com obras dos artistas da Associação dos Artistas Plásticos de Parintins (AAPP), locais estarão na área interna das dependências do porto da cidade. O horário de funcionamento será das 9h às 16h.