Publicidade
Esportes
Craque

Aderbal Lana tem problemas para escalar o Nacional contra o Princesa

Aderbal Lana vai preservar as dupla de ataque - Clarles e Leonardo - para os dois jogos finais do Amazonense. Álvaro está com três cartões amarelos 17/04/2012 às 19:25
Show 1
Charles, Thiago Amazonense e Garanha nao jogam contra o Princesa
Carlos Eduardo Souza Manaus (AM)

O Nacional tem nesta quarta-feira a oportunidade de se reabilitar da sequência de quatro derrotas no Segundo Turno do Amazonense. O time enfrenta o Princesa, às 15h30, no Estádio da Colina. A tarefa não é das mais fáceis, pois o Princesa ainda tem possibilidades de classificação. Além disso, o técnico Aderbal Lana deixou o time de Manacapuru para dirigir o Nacional.

Para o Princesa um jogo contra o ex-técnico é motivação. Para o treinador, jogar contra o ex-time pode significar o caminho das pedras para o time voltar a vencer. Isso porque Aderbal Lana conhece o time que ele montou.

“Mas isso é relativo. Se eu tivesse o Nacional completo seria bem melhor, mas nosso time está muito desfalcado”, disse o treinador.

Leonardo e Charles serão preservados para os jogos finais; Garanta, Everson, Carlos Henrique, Thiago Amazonense, Daniel e Altair  estão machucados; Álvaro está suspenso pelo terceiro cartão.

Lana deve escalar o time na manhã desta quarta-feira, mas ainda depende de avaliar alguns jogadores da base para compor o elenco. O provável time do Nacional será: Jonathan; Amaral, Cristovam, Santiago e Alexandre; Martoni; Thiago Mariano, Edvan e Klayton; Naldinho e Breno.

Princesa tem dois desfalques

O Princesa do Solimões, sexto colocado do returno do Campeonato Amazonense, com nove pontos, ainda sonha com uma vaga no G4, mas para isso precisará de qualquer maneira vencer o Nacional, no jogo desta quarta-feira (18), no estádio Ismael Benigno (Colina), Zona Oeste de Manaus. No último confronto entre os times, o Leão da Vila levou a melhor, derrotou o Tubarão e de quebra ainda ficou com o título de campeão do primeiro turno, porém isso são águas passadas, até porque as duas equipes não andam tão bem assim na segunda fase desta temporada.

“Só a vitória nos interessa no jogo contra o Nacional, pois qualquer outro resultado acabará com o nosso sonho de conseguir se classificar para a reta final do returno, o Nacional é um time grande e complicado, por isso nada será fácil para nós, mas vamos em busca da vitória”, disse o técnico Carlos Prata.

O time titular do Princesa para a partida desta quarta, onde o elenco irá reencontrar o antigo técnico, Aderbal Lana, ainda não foi definido. Segundo Prata, Simão e Baé são dúvidas para o jogo.

“Eles estão contundidos e em tratamento intenso, porém só saberei se poderei contar com eles amanhã (quarta) antes do jogo”, disse o técnico do Tubarão – que deve mudar o esquema tático caso não possa contar com o meia e o volante.

“Não temos tempo para fazer muitas mudanças, mas se Simão e Baé realmente não tiverem condições de entrar em campo, terei que jogar com três atacantes e dois meias”, completou o treinador que costuma usar quatro meias e dois atacantes.

 

 

Confira os jogos da 8ª rodada do Segundo Turno

Nacional x Princesa – Colina

Operário e São Raimundo  - Manacapuru

CDC x Penarol – Manicoré

Holanda x Iranduba – Rio Preto da Eva

Rio Negro x Fast –SESI

Confira a classificação do Segundo turno

Fast Clube – 13

São Raimundo – 13

Holanda – 13

Rio Negro – 13

Penarol – 09

Princesa – 09

Operário – 08

Iranduba – 07

Nacional – 05

CDC Manicoré – 05