Publicidade
Esportes
Craque

Advogado do ex-jogador Viola entra com habeas corpus para tentar liberá-lo

O ex-jogador Viola detido na noite da última  sexta-feira (05),  em Santana do Parnaíba (na Grande São Paulo) por desobediência, posse ilegal de arma de fogo e ameaça de violência doméstica 09/10/2012 às 19:44
Show 1
Viola durante jogo no Morumbi
Acritica.com ---

O ex-jogador Viola detido na noite da última  sexta-feira (05),  em Santana do Parnaíba (na Grande São Paulo) por desobediência, posse ilegal de arma de fogo e ameaça de violência doméstica, permanece preso na Cadeia Pública de Carapicuíba, mas o advogado do ex-atacante, marcos Pelozato, já entrou com habeas corpus para tentar tirá-lo da prisão.

Segundo o delegado Ronald Nascimento, o ex-jogador impediu a saída da mulher, Andreza Nunes, e do filho da sua casa até mesmo com a presença da PM. A polícia civil foi acionada e invadiu a residência  de Viola e encontrou um silenciador de pistola, munições de calibre 12 e também carregadores.

Ainda de acordo com o delegado, Viola teria ameaçado a esposa de morte e até disse que cometeria suicídio. Uma “assessora” de Andreza disse que ela está arrependida e que teria agido por impulso.

Viola já havia sido detido em 2006 por porte ilegal de armas, após PM encontrar uma espingarda calibre 12 no carro dele, que tinha registro para uso da arma, mas não para transporte