Publicidade
Esportes
Craque

Alonso conquista a pole em treino tumultuado pela chuva; Massa sai em quinto

Ao contrário do terceiro treino livre, que aconteceu com pista seca, o classificatório começou com garoa, o que obrigou os pilotos a usarem pneus intermediários 07/07/2012 às 14:41
Show 1
Fernando Alonso
uol/esportes ---

Em treino atrapalhado pela chuva, Fernando Alonso obteve a pole position para o Grande Prêmio da Inglaterra de Fórmula 1 neste sábado ao ser o mais rápido no treino classificatório. O piloto espanhol dividirá a primeira fila com Mark Webber, da Red Bull. Dentre os brasileiros, Felipe Massa sai em quinto - seu melhor grid na temporada - e Bruno Senna, em 13º.

Foi a primeira pole position da Ferrari desde o Grande Prêmio de Cingapura de 2010, 15ª corrida daquele ano. Na ocasião, também foi o piloto espanhol que largou na frente.

Ao contrário do terceiro treino livre, que aconteceu com pista seca, o classificatório começou com garoa, o que obrigou os pilotos a usarem pneus intermediários. Com previsão de piora, todos os carros abriram volta logo no início, causando tráfego intenso – companheiros de Lotus, Kimi Raikkonen e Romain Grosjean quase bateram ainda no Q1.

A instabilidade climática atrapalhou Jenson Button, que teve de buscar uma volta rápida com o cronômetro da parcial já zerado. No entanto, o britânico deu azar, já que uma escapada de Timo Glock provocou bandeira amarela. Sem poder acelerar, o britânico ficou fora do Q2 e terminou o classificatório na 18ª colocação.

A partir da segunda parte do treino, a maioria das equipes abandonou os compostos intermediários e passaram a usar pneus de chuva. Com a pista mais molhada, os pilotos passaram a errar mais – Felipe Massa, Fernando Alonso e Michael Schumacher estiveram entre os que foram parar na área de escape. Por conta do excesso de água, a prática foi interrompida com bandeira vermelha restando pouco mais de seis minutos para o fim do Q2.

Na pausa, que durou mais de 1h30, pilotos e membros das equipes mostraram bom humor e passaram a interagir com a torcida presente em Silverstone. Em cena inusitada, Ross Brawn, chefe de equipe da Mercedes, foi visto acompanhando a “ola” dos fãs nas arquibancadas.

A interrupção beneficiou os pilotos da Ferrari – quando o treino foi interrompido, Massa era 15º e Alonso, 16º. No entanto, os dois conseguiram avançar para o Q3 com voltas rápidas no fim da parcial. Senna, por sua vez, terminou em 15º e acabou eliminado.

O Q3 foi dominado por Alonso. Mark Webber chegou a ameaçar a primeira colocação em algumas ocasiões, mas o espanhol sempre respondia voltando a topo. Massa esteve perto da segunda colocação, mas nos segundos finais foi ultrapassado por três rivais.