Publicidade
Esportes
Craque

Após derrota para Croácia, em Manaus, técnico de Camarões pede desculpas e diz estar triste com o resultado da partida

Os Leões Indomáveis perderam por 4 a 0 para a Croácia na Arena da Amazônia Vivaldo Lima e ainda sem pontuar na Copa do Mundo, não tem mais chances de se classificar para as oitavas de final 18/06/2014 às 20:45
Show 1
Ekotto, de Camarões disputa bola com jogador croata
Lorenna Serrão ---

Em coletiva, após a derrota para Camarões o técnico Volker Finke pediu desculpas e disse que está muito triste pelo resultado da partida na Arena da Amazônia Vivaldo Lima, em Manaus, nesta quarta-feira, dia 18. O treinador também falou sobra a expulsão de Song, aos 40 minutos do primeiro tempo, quando a partida ainda estava 1 a 0.

“Estou muito triste com o resultado desse jogo. Jogar com 10 contra 11 é difícil, mas não é motivo para perder uma partida. O primeiro gol veio cedo de mais, foi complicado para os jogadores. Foi um jogo igual ao de Portugal contra a Alemanha, a mesma situação, o mesmo resultado”, comentou.

Sobre o soco que Song deu em Mandzukic, aos 40 minutos do primeiro tempo e que culminou da eliminação do jogador de Camarões. Finke disse que precisa analisar os fatos com muita calma para poder dizer se o cartão vermelho foi justo.

“Ainda não vi as imagens com tranquilidade. Me falaram que o cartão foi certo, mas prefiro ver com calma o que aconteceu antes de dar a minha opinião sobre essa situação.

O treinador também afirmou que ainda é muito cedo para falar sobre o futuro da Seleção de Camarões e também se vai continuar a frente do grupo . “A única coisa que posso dizer agora, 30 minutos depois do jogo, é que essa equipe ainda pode jogar muito, temos que seguir em frente”, completou.