Publicidade
Esportes
NAÇÃO

Às vésperas da final da Sul-Americana, Flamengo lança consulado em Manaus

Vice-presidente geral do Rubro-Negro, Maurício Gomes Mattos, veio direto da Argentina - onde o Fla fez a primeira decisão - para homologar o consulado do Mengo na capital 08/12/2017 às 13:46 - Atualizado em 09/12/2017 às 19:54
Show capturar
Maurício Gomes segue seu projeto de montar consulados do Flamengo no Brasil e no exterior (Foto: Euzivaldo Queiroz)
Denir Simplício Manaus (AM)

"O Flamengo não é apenas do Rio, o Flamengo é do mundo". A frase do recém-empossado presidente do consulado rubro-negro em Manaus, Lavor Neto, 41, mostra o tamanho do amor pelo time de maior torcida do Brasil. A cerimônia certificação do cônsul na capital amazonense aconteceu na manhã desta sexta-feira (8), e teve seu lançamento feito pelo vice-presidente geral do Fla, Maurício Gomes de Mattos.

No Flamengo há 16 anos, Maurício Gomes participou de um café da manhã com integrantes de várias torcidas organizadas do Flamengo na cidade, e em seguida realizou uma palestra onde falou da sua gestão e  do projeto dos consulados em todo o Brasil, além de planos para a próxima temporada no clube.

"Esse projeto é meu junto com o departamento de marketing do Flamengo, na figura do vice-presidente Daniel Orleans, que me ajuda bastante. Tenho um funcionário apenas e nós já fizemos 115 consulados. Quando entrei no projeto, coloquei como pilar a vinculação da captação de sócio-torcedor e comecei o projeto como consulado pra diferenciar de embaixada, que já existiam", disse o dirigente que é um dos nomes fortes para corrida presidencial na Gávea na eleição do ano que vem.

Cônsul do Fla

Conhecido torcedor do Rubro-Negro na capital, Lavor Neto assumiu o cargo de cônsul do Flamengo em Manaus. Fanático pelo time da Gávea, Lavor falou da importância do consulado do Mengo na cidade. 

"A criação do consulado vai linkar ainda mais o Flamengo com a gente aqui, já que Manaus é considerada a cidade com maior número de rubro-negro depois do Rio. E vai aproximar o torcedor do Flamengo de Manaus com a Gávea, a diretoria e com os jogadores", explicou Lavor enfatizando que o consulado pode viabilizar o retorno do Flamengo a Manaus.

Maurício Gomes foi sabatinado pelos torcedores sobre a atual gestão do Flamengo (Foto: Euzivaldo Queiroz) 

"O consulado vai colocar o torcedor mais próximo do clube, vai haver um intercâmbio. N[os fazemos caravanas de torcedores pra assistir os jogos no Rio e o Flamengo pode vir pra Manaus também, há uma ligação. O Flamengo esteve na Arena em cinco jogos e os público foram todos recordes, inclusive o recorde da Arena pertence ao Flamengo, que no ano passado deu mais de 50 mil pessoas contra o Vasco e a Arena só comporta 44 mil pessoas", disse o cônsul do clube em Manaus.

Na próxima quarta-feira (13), o Flamengo faz o jogo da volta das finais da Copa Sul-Americana, no Maracanã, onde recebe o Independiente-ARG, precisando vencer por dois gols de diferença para ser campeão. Uma carava com dez integrantes do consulado do clube em Manaus sairá da capital na segunda-feira (11), em direção ao Rio para apoiar o Rubro-Negro contra os argentinos.

"Essa caravana com dez integrantes já está fechada e sai na segunda direto pro Rio pra torcer pelo nosso Flamengo nessa final, e tenho certeza que vamos sair campeões", concluiu Lavor.