Publicidade
Esportes
Craque

Atleta do Tiro Esportivo Amazonense está de olho nas vagas para 2016

O ex-oficial do Exército, Igor Queiroz, há quatro anos é o único representante do Amazonas na modalidade ar comprimido 09/05/2012 às 09:57
Show 1
O ex-oficial do Exército, Igor Queiroz, há quatro anos é o único representante do Amazonas na modalidade ar comprimido
Jornal A Crítica Manaus

Ele é ex-oficial do Exército, é natural do Recife, mora a dez anos em Manaus e é, há quatro anos, o único representante de tiro esportivo do Amazonas na modalidade ar comprimido. Esse é Igor Queiroz, que aos 31 anos de idade mira alto: fazer parte da Seleção Brasileira e defender o País nas Olimpíadas de 2016. Para realizar esse feito tão expressivo na carreira de um atleta, o pernambucano vem investindo na parte psicológica, que segundo ele, é o caminho para ser um atirador de elite.

“No tiro esportivo 80% é o psicológico, 15% é a parte física e 5% é técnica”, considera.

Mas para chegar ao topo, Queiroz não caminha sozinho, conta com a ajuda de umas das profissionais mais renomadas: a psicóloga e técnica Suzy Fleury, mestre em Psicologia do Esporte pela Universidade Autônoma de Madrid e Comitê Olímpico Espanhol (Reg.27472).

Fleury já atuou na Seleção Brasileira de Futebol (Olimpíadas de 2000), participou da Elaboração Proposta Olímpica Rio 2016 (COB - 2009), é fundadora da Academia Emocional (1991) e  presta consultoria para grandes clubes, como o Atlético Paranaense, Palmeiras, Santos, Corinthians, São Paulo Futebol Clube e Atlético Mineiro.

Com um mês de consulta via Skype, Igor revela sua evolução no esporte e diz estar muito mais controlado e auto confiante para participar de sua primeira seletiva: o Campeonato Norte e Nordeste, que acontece do dia 14 a 17 de junho, em Fortaleza.

“Quero estar nas Olimpíadas, sei que é desafiador, principalmente por ter que realizar um trabalho a curto prazo”.