Publicidade
Esportes
Craque

Brasil conquista mais 5 medalhas nos Jogos Mundiais Militares

Brasil alcança oito medalhas no quadro geral e segue na 2ª posição no ranking, atrás da Rússia, que têm 15 pódios. Jogos acontecem na Coreia do Sul 05/10/2015 às 12:50
Show 1
Brasil continua na 2ª posição do ranking dos Jogos Mundiais Militares
Agência Brasil Brasília

O Brasil conquistou hoje (5) mais cinco medalhas no terceiro dia de competição dos 6º Jogos Mundiais Militares, que estão sendo disputados na Coreia do Sul.

Com as medalhas de ouro dos judocas Felipe Kitadai e Mariana dos Santos, as pratas de Rafaela Silva, também no judô, e de Júlio de Oliveira, no lançamento de dardo, além do bronze da judoca Sarah Menezes, o Brasil alcançou oito medalhas no quadro geral e segue na segunda posição no ranking, atrás da Rússia, que têm 15 pódios até o momento.

Também hoje, as equipes brasileiras do vôlei masculino e do basquete venceram a Venezuela e o França, respectivamente. Amanhã (6), o time de basquete brasileiro enfrenta a Grécia na busca por uma vaga nas quartas de final.

No boxe, até o momento, dois brasileiros venceram as lutas e permanecem na competição. O sargento da Marinha Paulo Santos Carvalho venceu He Jujun, da China, na categoria até 49 kg. Na categoria até 64 kg, o sargento da Marinha Joedison de Jesus Teixeira venceu Thomash Mayengbam Meitei, da Índia. No futebol feminino, o Brasil empatou em 1 a 1 com a Alemanha. Já a equipe brasileira de handebol masculino perdeu para o Egito.

Paradesporto

O terceiro dia Jogos Mundiais Militares foi marcado pelo início das competições do paradesporto. É a primeira vez que atletas com deficiência física participam dos jogos militares. Os sargentos do Exército Juan Ricardo Feindt Urrejola e Marcelo Pires de Azevedo abriram a participação dos paratletas brasileiros.

Nesta sexta edição dos Jogos Mundiais Militares pela primeira vez o Brasil competirá na modalidade tiro com arco. A equipe brasileira é formada pelos sargentos da Força Aérea Bernardo Oliveira e Daniel Xavier, que ganharam medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, e a sargento da Força Aérea Sara Nikitin.