Publicidade
Esportes
Craque

CBBoxe olha pra Manaus: Entidade promete a vinda dos irmãos Falcão em 2013

De acordo com a assessoria da Sejel, entre os projetos que passarão a fazer parte do calendário estadual em 2013, será uma competição regional da modalidade 09/11/2012 às 09:16
Show 1
Vinda dos irmãso Falcão servirá para difundir a modalidade
ACRÍTICA ---

Uma das maiores polêmicas das Olimpíadas este ano, envolveu o nome do  presidente da Confederação Brasileira de Boxe (CBBoxe), Mauro José da Silva, e da atleta Adriana Araújo, quando a boxeadora tornou-se a primeira medalhista do boxe brasileiro em 44 anos. A atleta, que conquistou o bronze, acusou o mandatário de assédio moral.

Entretanto, passado o episódio, o comandante da entidade parece se esforçar para sua imagem - e principalmente a do boxe - ganhar novo fôlego. Prova disso, foi o acordo feito entre o presidente e a secretária de esportes do Estado, Alessandra Campêlo, em reunião realizada ontem, na Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel, localizada na Zona Centro-oeste). Do encontro surgiram acertos e projetos para alavancar o esporte na capital manauara.

De acordo com a assessoria da Sejel, entre os projetos que passarão a fazer parte do calendário estadual em 2013, será uma competição regional da modalidade. Na ocasião, os atletas terão a oportunidade de ficar mais próximos de seus ídolos e quem sabe trocar experiências, devido a Confederação anunciar a presença dos irmãos e astros olímpicos Yamaguchi (bronze em Londres, no meio pesado) e Esquiva Falcão (medalha de prata, na médio). Além disso, mais quatro disputas estaduais estão previstas para acontecer com a chancela da CBBoxe em Manaus.

Segundo Mauro José, o  objetivo da promoção de diversos eventos, é fortalecer a modalidade no País, mirando os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro. “Não é justo um Estado com essa estrutura não ter representatividade no boxe olímpico”, disse o presidente, referindo-se às instalações da Vila Olímpica de Manaus. “Aqui tem alojamento, restaurante, local para treinamento, enfim, tudo que um atleta precisa para competir no alto rendimento. Vamos dar início a um projeto visando os Jogos  de 2016 e o Amazonas faz parte dessa iniciativa da Confederação”, afirmou.

A secretária Alessandra Campelo se mostrou inclinada a dar apoio aos futuros eventos, que para ela beneficiarão a retomada do esporte na região. E ainda destacou que a implementação desse acordo irá revelar novos atletas amazonenses. “A Sejel pleiteia também trazer competições nacionais, para difundir a prática do boxe no Amazonas. O objetivo é revelar novos atletas e formar campeões”, disse a gestora.

Sendo assim, segundo a Sejel, a partir de agora o Amazonas terá atenção especial da CBBoxe. De acordo com Mauro Silva, o Campeonato Regional deverá  acontecer entre abril e maio. Antes, no mês de fevereiro, acontecerão as seletivas estaduais, valendo vaga para a competição que envolverá os Estados da Região Norte. “O primeiro passo é criar, até o final deste ano, esse calendário em parceria com a Federação Amazonense de Boxe”, explicou o dirigente.