Publicidade
Esportes
Craque

Corinthianos tem prisão decretada na Bolívia

Os 12 brasileiros torcedores do Sport Club Corinthians Paulista já estão à caminho do presídio San Pedro. 22/02/2013 às 18:45
Show 1
Os torcedores são acusados de estarem envolvidos direta e indiretamente na morte de Kevín Beltran Espada
acritica.com Manaus (AM)

Foi decretada a prisão preventiva dos 12 brasileiros torcedores do Corinthians, detidos pela polícia boliviana de Oruro, após a partida da equipe contra o San José, time local. Eles estavam detidos para prestar esclarecimento sobre a morte de Kevín Beltran Espada, atingido por um sinalizador saído de onde se encontrava a Fiel torcida.

O juiz Cautelar Julio Huarachi Pozo decidiu o decreto por segurança, pois segundo o mesmo “é muito fácil sair da Bolívia”. Ele ainda reconheceu que as provas contra os torcedores do Corinthias não são concretas, mas que vai aguardar as investigações.

Eles permanecerão presos por tempo indeterminado, até o ministério público boliviano juntar as provas do processo. Dois corinthianos estão sendo processados por homicídio culposo e os outros dez por cumplicidade no crime.

Os brasileiros serão transferidos para o presídio San Pedro, na própria cidade de Oruro.