Publicidade
Esportes
Craque

De boa: República Dominicana treina sob sol intenso e suporta bem o calor manauara

Para o treinador Roberto Díaz Bernabé, o que importa não são as condições climáticas das partidas, mas o nível do futebol que deverá ser apresentado na Arena da Amazônia, no amistoso desta sexta-feira (9) 08/10/2015 às 12:54
Show 1
Seleção da República Dominicana treinou na Colina e não sentiu tanto o calor manauara.
Felipe de Paula Manaus (AM)

À véspera do amistoso contra a Seleção Olímpica Brasileira, na sexta-feira (9), às 20h, na Arena da Amazônia, a equipe da República Dominicana realizou treinamento na manhã desta quinta-feira (8), no estádio da Colina, na Zona Oeste da capital, e parece não ter sentido o calor amazônico.

Embora atividade, que começou por volta das 10h, tenha se estendido até às 11h15 desta quinta e tenha sido, ao contrário do que era esperado, bem mais que um treino regenerativo, os jogadores não aparentaram desgaste ou fadiga.


Vale lembrar que a média de temperatura no Caribe, onde joga a grande maioria dos jogadores da seleção dominicana, seja parecida com a de Manaus. Além disso, a maior parte dos jogadores da Seleção Brasileira atua nas regiões Sul e Sudeste do País e na Europa.

No entanto, para o treinador da equipe caribenha, o espanhol Roberto Díaz Bernabé, o que importa não são as condições climáticas das partidas, mas o nível do futebol que deverá ser apresentado na Arena da Amazônia.

“O brasileiro está mais acostumado a jogar futebol, que é o mais importante", declarou o treinador, que conseguiu com o time sub-15 da Republicana o maior feito do futebol daquele país até agora: um vice-campeonato caribenho.


Em campo, o treinador realizou um treinamento de movimentação e troca de passes do meio campo ao ataque. O aproveitamento dos jogadores, no entanto, não foi dos melhores e a impressão que ficou é que há um abismo técnico entre os dois times. Às 16h, a seleção caribenha fará o reconhecimento de campo na Arena da Amazônia.

A Seleção Olímpica Brasileira enfrenta a República Dominicana às 20h (horário local), na Arena da Amazônia, Zona Centro-Oeste de Manaus. Embora o jogo seja à noite, a umidade relativa do ar e a própria temperatura noturna da cidade, assim como a sede de vitória brasileira, que vem de derrota para a França, devem esquentar a partida. Melhor para o púbico amazonense!