Publicidade
Esportes
Craque

Debaixo de forte calor, Vasco bate o Americano em Macaé

Vitória foi construida na primeira etapa, com gols de Alecsandro e Fagner. Cruz-Maltino demonstrou cansaço no segundo tempo 22/01/2012 às 17:17
Show 1
Alecsandro marcou o segundo gol vascaíno
LANCEPRESS! Macaé (RJ)

O Vasco iniciou bem sua caminhada no Campeonato Carioca. Atuando no Estádio Cláudio Moacry, em Macaé, o Gigante da Colina bateu o Americano por 2 a 0, gols de Alecsandro e Fagner. A vitória foi construida na primeira etapa, após boa atuação do lateral-direito, destaque da partida. Com o resultado, o Vasco se iguala às equipes que venceram os seus jogos no Grupo B do Cariocão.

DEMOROU, MAS ENGRENOU
O jogo começou cadenciado. O forte calor era um dos obstáculos enfrentados pelos dois times. O Vasco apresentava dificuldades para trocar passes e criar jogadas ofensivas. Diego Souza não conseguia dar sequência às jogadas e a principal arma aparecia pelo lado direito, com os avanços de Fagner.

O Americano não se intimidou e, percebendo as dificuldades cruz-maltinas, partiu para o ataque. O primeiro chute de perigo aconteceu aos 10 minutos, em bomba de Alex para boa defesa de Fernando Prass. Em seguida, o atacante Hugo cabeceou com perigo, com a bola passando rente à trave vascaína.

Com o passar do tempo, o Gigante da Colina conseguiu o equilíbrio em campo. Chaparro e Juninho começaram a acertar seus passes, assim como Fellipe Batos, que percebeu o avanço de Fagner, lançou o lateral que cruzou na medida para Alecsancro abrir o placar aos 32 minutos.

O dominío aumentou. Chaparro pedeu ótima oportunidade frente a frente a Erivelton. Aos 41, o Vasco ampliaria em bela jogada coletiva. Em rápida falta cobrada, a bola passou por Juninho, Nilton e Dedé que, como elemento surpresa, deu ótima assistência para Fagner ampliar.

RITMO CAI E RESULTADO É MANTIDO
O segundo tempo começou com o ritmo mais lento. O Vasco apresentou as mesmas dificuldades da primeira etapa, sem acertar os passes no meio de campo. E o Americano começou pressionando. O lance de maior perigo foi aos 10 minutos quando o atacante Evandro entrou sozinho, frente a frente ao goleiro Fernando Prass, mas isolou o primeiro gol do Americano.

O time Campos era melhor, mas tinha dificuldades em armar as jogadas. O Cruz-Maltino chegava em contra-ataques, como um puxado por Chaparro, após lançamento de Juninho. O argentino entrou sozinho, mas foi travado pela zaga. Outro que teve boa atuação foi Thiago Feltri, com bons chutes de fora da área e cruzamentos.

A partida esquentou, e em confusão na lateral envolvendo Jonathan e Loyola, o árbitro Rodrigo Nunes de Sá expulsou acertadamente o jovem vascaíno, que ficou pouco mais de 10 minutos em campo. Ele acertou um soco no adversário em uma dividida. O cansaço nos minutos finais apareceu e o Vasco administrou o resultado, enquanto o Americano tentou esporádicos avanços usando a velocidade dos seus atacantes.

FICHA TÉCNICA
VASCO X AMERICANO
Local: Estádio Moacyrzão, em Macaé (RJ)
Data/Hora: 22/1/2012 - 17h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Auxiliares: Lilian da Silva Fernandes (RJ) e Andréa Izaura de Sá (RJ)
Renda/Público: R$127.290/6.920
Cartões amarelos: Fellipe Batos (VAS) Pachola, Pedro e Pedro(AME)
Cartão vermelho: Jonathan (VAS)
GOLS: Alecsandro, 28'/1ºT (1-0); Fagner, 30'/1ºT (2-0)

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Dedé, Renato Silva e Thiago Feltri(Max 31'/2ºT); Nilton, Fellipe Bastos, Juninho e Chaparro(Jhonatan 18'/2ºT); Diego Souza e Alecsandro - Técnico: Cristovão Borges.

AMERICANO: Erivélton, Alex, Adalberto, Ricardo Braz e Márcio Loyola; Caetano, Paulo Vítor, Pedro(Tardelly 31'/2ºT) e Pachola(Marconi 17'/2ºT); Evandro e Hugo - Técnico: Moacir Júnior