Publicidade
Esportes
Craque

Diretor da UGP Copa de Manaus contesta declaração de Luis Fernandes

Miguel Capobiango recebeu a ‘preocupação’ do secretário executivo com as obras da Arena da Amazônia com estranheza 26/01/2012 às 10:02
Show 1
Ritmo da construção da Arena segue inalterado
Adan Garantizado Manaus

Em entrevista ao portal UOL, Luis disse estar preocupado com um suposto atraso nas obras da Arena da Amazônia. A declaração do novo secretário executivo ocorreu uma semana após Jérôme Valcke (secretário geral da FIFA) criticar os atrasos em Natal e cogitar reduzir o número de cidades sedes do mundial de 2014.

“O relatório da Fifa aponta que haveria dois estádios que mereceriam uma atenção maior. Natal em primeiro lugar e Manaus, em segundo”, frisou Fernandes, que anunciou a criação da Assessoria de Coordenação de Grandes Eventos, voltada para a Copa do Mundo de 2014 e Olimpíadas 2016.

Diretor da Unidade Gestora do Projeto da Copa em Manaus (UGP COPA), Miguel Capobiango recebeu a declaração do secretário executivo com estranheza.

“Ele está entrando no Ministério agora e fala isso. É muito estranho. Quero saber o que o motivou a dar esta declaração. Nem a própria assessoria do Ministério dos Esportes sabe de onde saiu esta declaração. Ninguém sabe o contexto em que ele falou e o porquê de apenas o UOL ter publicado esta frase”, relatou Capobiango, que está em Recife (PE) participando de um seminário sobre Fun Fests para a Copa.

“Foi citado até um relatório da FIFA que não existe. Mas vamos procurar esclarecer qualquer dúvida do novo secretário”, finalizou.

O titular da Secretaria Estadual de Esportes (Sejel), Júlio César Soares, esteve na posse de Luis Fernandes. E também se mostrou surpreso com a repercussão na Internet.

“Eu não ouvi qualquer comentário do Fernandes sobre Manaus durante a posse. Ele inclusive conversou em particular comigo. Fiz um convite para que ele visite Manaus e veja in loco nossa organização para o Mundial”, contou Júlio César.

No dia 2 de fevereiro, o Ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, desembarca em Manaus e se reúne com o Governador do Estado, Omar Aziz, e o Prefeito de Manaus, Amazonino Mendes. No dia 3, Rebelo visita o canteiro de obras da Arena da Amazônia. Provavelmente Luis Fernandes estará na comitiva, e deve tirar suas dúvidas quanto às obras na capital amazonense.