Publicidade
Esportes
Craque

Diretor de futebol do Rio Negro deve deixar o clube

Com documentos em mãos, o ditetror do clube Waldir Landim, deve pedir para renunciar nesta sexta-feira (11) ao cargo por falta de patrocínio 11/01/2013 às 07:59
Show 1
Dirigente deixa cargo por não ter conseguido patrocínio
acritica.com ---

Sem conseguir novos patrocinadores, o diretor de futebol do Rio Negro, Waldir Landim, tem em mãos os documentos para renunciar nesta sexta-feira (11), ao cargo no clube. Mesmo com os patrocínios prometidos pelo Governo do Estado e pela Prefeitura de Manaus aos times do Estadual, o dirigente prevê falta de recursos ao Galo no decorrer da competição, visto que a verba anunciada deve ser bloqueada em razão de dívidas trabalhistas do clube.

“O apoio da prefeitura é de R$ 50 mil. A gente entende o esforço, mas é pouco. Tem bloqueio da Justiça do trabalho, então é um dinheiro que está, mas não está”, lamentou Landim. Nos últimos dias de 2012, o diretor estipulou o dia de ontem como o último para decidir se permanece ou não no Rio Negro. Desde lá, a montagem do elenco foi paralisada.

Como tem acontecido desde quando o problema de falta de receita foi anunciado por Waldir Landim, o presidente rionegrino, Eymar Gondim, não atende aos telefonemas da reportagem. Ele compareceu às reuniões em que o governo e a prefeitura anunciaram apoio ao futebol do Estado, mas ainda não anunciou um plano B em relação à ameaça do atual diretor de futebol.

Na tarde desta quinta-feira (10), Landim lamentou o fracasso do clube na busca por investidores. “Temos que ter uma retaguarda para não precisar contar com esses recursos (obtidos por intermédio do poder público). Achei que fosse capaz, mas infelizmente não consegui. Vou esperar até última hora do dia (de ontem) uma ligação, mas estou com os documentos preparados”, adiantou o diretor. Até o fechamento desta edição, a renúncia do diretor não foi confirmada.

Outro a lamentar a situação é o técnico Iane Geber, que ficará com o futuro indefinido no clube. “Começaríamos a pré-temporada dia 7 de janeiro, mas depois do Natal o Waldir pediu pra eu aguardar. Vamos esperar como vai ficar”, disse.