Publicidade
Esportes
Craque

Dirigente do Holanda avisa que time deve ficar fora do Amazonense 2013

Caso confirme a desistência, o Amazonense deverá ter nove clubes em 2013. Rio Negro também pode disistir da competição 02/01/2013 às 20:19
Show 1
Paulo Radin, presidente do Holanda
Carlos Eduardo Souza Manaus (AM)

O Holanda deverá ficar fora do Amazonense 2013. Pelo menos essa é a idéia do presidente do clube, Paulo Radin. Segundo ele, o clube tem todas as condições de participar, mas não concorda com a fórmula de disputa e o período em que os jogos são realizados.

O dirigente acredita que o melhor período para a realização do Estadual é no segundo semestre, pois, só assim os clubes poderiam evitar período chuvoso. Radin diz que sempre foi voto vencido e que os clubes relutam em mudar o período dos jogos. Sobre a fórmula, ele diz que é inviável formar um time para jogar apenas nove partidas e, que não se deve copiar o modelo do Campeonato Carioca.

“Temos que parar de jogar na lama para jogar na grama”, disse Radin sobre a realização do Amazonense no primeiro semestre. Radim disse ainda que o torcedor não deixa sua casa para assistir aos jogos num dia de chuva.

Segundo ele, o clube reúne hoje as condições necessárias para disputar a competição, mas por ele, o clube não participa do Amazonense.

“falo por mim. Se depender de mim o clube não vai disputar o Amazonense. Mas o clube tem ais dirigentes de e eles vão ajudar na hora de decidir”, afirmou.

Mas não é somente o Holanda que está propenso a deixar o Amazonense. O Rio Negro sinalizou nesta semana que também pode ficar fora. O motivo alegado é a falta de apoio de patrocínio.