Publicidade
Esportes
Craque

Dirigentes não chegam a um acordo e Séries C e D não começam neste fim de semana

Os dirigentes se reuniram no Rio de Janeiro, mas Treze (PB) e Brasil de Pelotas (RS) continuam iretutíveis e não retiram ações da Justiça Comum 05/06/2012 às 19:38
Show 1
Penarol ainda espera o início da Série D
Acritica.com Manaus (AM)

Depois de se reunirem na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), os representantes dos 20 clubes envolvidos na Série C do Campeonato Brasileiro não chegaram a um acordo comum, e a competição deverá ser suspensa por mais uma semana.

Segundo o presidente do Santo André (SP), Sérgio Prado, todos os clubes e CBF estão muito empenhados em resolver o problema o mais rápido possível. Prado ainda afirmou que a CBF tentará uma nova investida no Superior Tribunal de Justiça, em Brasília, para derrubar as liminares que incluem Brasil e Treze na terceira divisão da competição.

"É 100% certo de que as competições não terão início neste final de semana. Não só por causa do feriado, mas porque não haveria possibilidade de mobilizar as 60 equipes envolvidas nas competições"

Deste modo, esta semana deverá ter anúncios de desistência da competição. Uma das equipes que afirmou que, caso o imbróglio não fosse resolvido em breve, desistiria do torneio foi o Guarany de Sobral. Na Série D, outro time que cancelou um amistoso para evitar gastos foi o Campinense.

Aguardando

Na Série D do Campeonato Brasileiro, o presidente do Gurupi Wilson Castilho, disse que vai esperar mais uma semana até o dia 17 para decidir se permanece ou não na competição, já que ele está reclamando que vai ter um gasto acima de 100 mil para ficar apenas treinando.

Já o Araguaína, que também pleiteia uma vaga na Série C, também está preocupado com o mesmo gasto, mas disse que vai aguardar a definição seja para disputar a Série C ou D. De acordo com o presidente Heli do Carmo, o clube não vai desistir de espera.