Publicidade
Esportes
Craque

Fast Clube derrota Manaus FC e Charles diz que time está ficando com 'a cara do treinador'

Assim como no primeiro turno, o Rolo Compressor passou por cima o Gavião do Norte: 3 a 1, com gols de Deivid, Charles e Michel Parintins. Martony diminuiu a diferença para o Manaus 23/04/2015 às 23:07
Show 1
Deivid marcou o primeiro gol do Fast na partida contra o Manaus FC
Felipe de Paula Manaus (AM)

Fast e Manaus voltaram a se encontrar ontem, no estádio Carlos Zamith, pela 11ª rodada do Campeonato Amazonense. Assim como no primeiro turno, o Rolo Compressor passou por cima o Gavião do Norte: 3 a 1, com gols de Deivid, Charles e Michel Parintins. Martony diminuiu a diferença para o Manaus.

“A gente está conseguindo colocar um pouco da cara do nosso treinador no time. Conseguimos a vitória e nada mais feliz do que fazer gol e buscar a artilharia do campeonato”, diz Charles, que agora tem oito tentos, um a menos que o artilheiro do campeonato, Ramon, do São Raimundo.

O Fast agora reassume a vice-liderança do campeonato, com 22 pontos, enquanto o Manaus permanece na sexta colocação, com 12. Na próxima rodada, o Rolo viaja a Borba para encarcar o Nacional Borbense, na quarta-feira (29). Já o Manaus enfrenta o Rio Negro, também na quarta, em Manaus.

Na partida, a separação entre primeiro e segundo tempo realmente se fez valer. Enquanto na primeira etapa houve muito toque de bola e pouca ação, com as duas equipes praticamente se estudando em campo, no segundo a disputa foi franca para o dois lados, com grande prevalência do Fast nas jogadas de ataque.

O gol que abriu o placar começou nos pés de Charles, que voltou para puxar a marcação na linha de meio campo, concedeu belo lançamento para Michell Parintins, que sem, egoísmo, viu Luizão melhor posicionado para marcar.

O atacante ainda pedalou para cima de Martony, e abrindo, para a esquerda, bateu forte aos 29 minutos do primeiro tempo para abrir o placar. Se no primeiro tempo o toque de bola fastiano se mostrava improdutivo, o mesmo não ocorreu na segunda etapa.O Rolo Compressor girava a bola com mais velocidade.

A entrada de Da Silva no lugar de Deivid deu mais posse de bola no meio campo e o Fast agora era quem propunha 100% do jogo. A recompensa não tardaria a chegar.Em bela jogada individual, com direito a drible da vaca no zagueiro Bruno Silva, Michell Parintins invade a área sozinho e é calçado por trás pelo próprio Bruno. Na cobrança, Charles marca aos 9 minutos da segunda etapa para fazer seu oitavo gol na competição.

A partir daí, praticamente só deu Fast na partida. Muito participativo, Amaral buscava tabelas com Charles pela direita. Numa delas, o lateral encontrou Michel Parintins sozinho. Este não desperdiçou se sacramentou a vitória fastiana. Ainda daria tempo para que, após pênalti em cima de Purá, o zagueiro Martony diminuisse a diferença.