Publicidade
Esportes
COPA DO BRASIL

Flamengo e Botafogo decidem hoje quem vai disputar a final da Copa do Brasil

No clássico carioca, o Fla, com alguns desfalques, quer superar o Glorioso, que conta com leve vantagem 23/08/2017 às 14:40
Show zcr0823 02 p01
(Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
Camila Leonel Manaus (AM)

Palco de tantos jogos históricos entre Flamengo e Botafogo, o Maracanã recebe mais um capítulo dessa rivalidade  nesta quarta-feira (23) às 20h45 (de Manaus). Mais que um clássico, a partida garante vaga na final da Copa do Brasil.

Os 44.616 mil ingressos destinados aos flamenguistas se esgotaram na segunda-feira, promessa de casa cheia. Do lado do Botafogo, dos 5 mil ingressos disponibilizados, 1.661 haviam sido vendidos até o fim da tarde de ontem.

O primeiro jogo, que aconteceu na semana passada no Nilton Santos, terminou em um empate sem gols. Para o jogo de hoje, quem vencer se classifica. Empate em 0 a 0 leva a decisão às penalidades, empate com gols, coloca o Botafogo vivo na busca pelo primeiro título na competição. Mesmo com este cenário, que teoricamente, pende para o lado botafoguense, o treinador Jair Ventura não vê vantagem de sua equipe.

“A vantagem seria se tivéssemos vencido a partida. Não conseguimos. Não vejo vantagem. Vejo um jogo totalmente aberto. É lógico que não levamos gol em casa, mas também não fizemos. Tudo pode acontecer. Vamos buscar o equilíbrio. Se conseguirmos um gol, ficaremos ainda mais vivos”, disse em entrevista coletiva. O técnico também garantiu que o fator torcida também não pesará para o Botafogo que, segundo ele, está acostumado com a pressão do mata-mata, “casca” criada na Libertadores. “Estamos passando por mata-matas desde o início do ano. Estamos acostumados com essa situação”.

Dúvidas

Do lado do Flamengo, icógnitas. A principal delas envolve Paolo Guerrero, que se lesionou na partida contra o Santos, pelo Brasileiro e ainda é dúvida. O jogador deve ser avaliado durante o dia para ver se tem condições de entrar na partida. Desfalque certo é Renê, lesionado, e o goleiro Muralha, expulso no último jogo.

Entre tantas questões, Reinaldo Rueda, que fará o seu terceiro jogo no comando do Flamengo, falou em coletiva no Ninho do Urubu, que vai esperar para ver a proposta de jogo do Botafogo.

“É um adversário maduro e em bom momento. Está muito focado e obediente taticamente. Eles têm como fazer os dois fácil, ou sair para buscar o jogo ou esperar e sair fortes no contra-ataque. Temos que jogar, porque eles podem apresentar as duas opções”, explicou o treinador que, neste ano já enfrentou o time de Jair Ventura em três oportunidades - duas na Libertadores, quando ainda era técnico do Atlético Nacional-COL, onde perdeu os dois jogos, e no jogo de ida da Copa do Brasil, que terminou empatado.