Publicidade
Esportes
Craque

Fluminense derrota o São Paulo por 2 a 1 em São Januário

Em jogo de três gols marcados de forma parecida, Flu vence. A partida, disputada nesta quinta-feira (9), em São Januário foi marcada mais pela correria do que pelas chances de gol 10/08/2012 às 13:59
Show 1
Fred marca de cabeça, no início do segundo tempo e dá vitória ao Fluminense, mais uma vez
Jornal A Crítica Manaus (AM)

A briga na ponta da tabela continua quente e não perdeu nenhum candidato ao título. O Fluminense viu os concorrentes Atlético-MG e Vasco vencerem e não fez por menos. A equipe das Laranjeiras venceu o São Paulo por 2 a 1 com gols de Leandro Euzébio e Fred, Cícero descontou, e ficou a apenas três pontos do Galo, líder da competição. A partida, disputada ontem, em São januário foi marcada mais pela correria do que pelas chances de gol.

O jogo começou bastante rápido, mas as equipes pecavam na hora de dar o último passes e as defesas se sobressaíram muito, evitando qualquer oportunidade clara de gol. A bola estava muito no meio de campo e, até lá, as ações eram equilibradas, deixando indefinido o domínio da partida para uma ou outra equipe.

A primeira boa oportunidade da partida surgiu apenas aos 18 minutos, quando Thiago Neves fez ótimo lançamento para Rafael Sobis, que dominou na frente da zaga, driblou João Filipe e chutou raspando a trave direita do goleiro Rogério Ceni, que, sem reação, apenas observou a bola sair pela linha de fundo.

O acerto veio apenas aos 35 minutos. Em falta próxima à grande área do São Paulo, Thiago Neves pediu que os zagueiros do Fluminense fossem para a grande área. Com a jogada aérea reforçada pela altura de ambos os defensores, o camisa 7 levantou a bola e, Leandro Euzébio, no meio da zaga adversária, desviou de cabeça, de costas para o gol, e abriu o placar sobre o time de Rogério Ceni, que saiu junto com o camisa 4, mas não achou nada.

Em uma jogada semelhante, Jadson levantou bola na área do Fluminense e Cícero, sem qualquer marcação, desviou de cabeça para o fundo do gol e empatou a partida a dois minutos do fim do primeiro tempo.

O segundo tempo começou a todo vapor. Logo aos 5 minutos, Fred deu a vitória ao Fluminense cabeceando no contrapé de Rogério Ceni para marcar o segundo gol do Fluminense.

Sem querer

Após o jogo, Fred confidenciou uma curiosidade no lance do seu 1º gol, o gol não era o seu objetivo.

Luz salvadora

“Na verdade escorei a bola para o Wagner. Só que a luz do refletor pegou no meu olho e eu cabeceei errado”, disse ele.