Publicidade
Esportes
Craque

Goleiro Felipe se revolta com a reserva no Flamengo

Irritado, goleiro revela insatisfação por ter sido barrado na equipe e não pretende continuar como reserva no Rubro-Negro 11/06/2012 às 11:17
Show 1
Felipe acredita que o longo tempo parado por questões médicas atrapalhou
Lance ---

A derrota para o Vasco na semifinal da Taça Rio, no dia 22 de abril, foi o último jogo de Felipe pelo Flamengo. Depois disso, o goleiro acabou sendo barrado para a entrada de Paulo Victor, algo que aos poucos foi minando a paciência do antigo titular. O camisa 1 está muito insatisfeito com a reserva e chegou a desabafar com o preparador de goleiros, Cantarele, sobre o seu descontentamento, afirmando que não vai seguir na reserva.

Cantarele logo passou o problema para o diretor de futebol, Zinho, que afirmou não ter nada a fazer, já que a decisão é do técnico Joel Santana. Enquanto Felipe estiver cumprindo com suas obrigações nos treinos, a diretoria não tem do que reclamar. O dirigente afirmou não temer que o goleiro cometa ato de indisciplina por causa da insatisfação.

Antes mesmo de barrar Felipe, Joel já havia ficado em dúvida sobre quem deveria ser o titular. Antes do jogo contra o Olimpia, pela Libertadores, o técnico afirmou que a escolha seria de Cantarele, pois o camisa 1 ainda não estava bem. Paulo Victor acabou jogando no empate (3 a 3).

Procurado pelo LANCENET!, Felipe admitiu estar chateado, mas afirmou que não pretende deixar o Flamengo neste momento.

– Quero ficar no Flamengo. Tenho contrato longo e tenho de cumprir com as obrigações – disse.

O goleiro reconheceu que o período em que afastado por estar com dengue foi muito prejudicial. Ele ficou internado por uma semana e emagreceu. Sem treinar por dez dias, sentiu falta de ritmo. Vai ter ânimo para brigar pela vaga?

RELAÇÃO ENTRE GOLEIROS JÁ NÃO É DAS MELHORES

Felipe e Paulo Victor sempre foram muito amigos, mas desde que a vaga no gol rubro-negro mudou de dono a relação estremeceu. Os dois praticamente não se falam mais, embora nenhuma briga tenha ocorrido entre eles.

As declarações do até então reserva Paulo Victor, sempre muito confiante e que muitas vezes interpretado com, soberba, acabaram minando a amizade.

Antes da mudança no gol rubro-negro, Felipe sempre deu força para Paulo Victor com conselhos. Nas vezes em que não pôde jogar, o camisa 1 sempre elogiou o desempenho de seu substituto.

BRIGA NO GOL

Início conturbado
Depois de uma temporada muito boa, Felipe inicia o ano insatisfeito pelo fato de a diretoria ter demorado a renovar seu contrato, apesar das declarações dos dirigentes de que já estava tudo concretizado.

Com Luxemburgo
Felipe chegou ao Flamengo a pedidos do técnico Vanderlei Luxemburgo, que nunca cogitou deixá-lo no banco. Paulo Victor só havia entrado em amistosos ou jogos em que o titular Felipe não estava disponível para atuar.

Com Joel
Quando Joel Santana chegou, preferiu manter Felipe como titular, mas nas entrevistas sempre deixou claro que, caso Paulo Victor estivesse em melhor forma, poderia acabar ganhando a vaga.

Dengue
Felipe contraiu dengue e ficou uma semana internado. Ele perdeu peso, ritmo de jogo e viu o reserva Paulo Victor ter boas atuações.

Retorno ruim
Felipe se recuperou da doença e não voltou em grande forma. Joel Santana optou por dar chance a Paulo Victor como titular da equipe.

FELIPE TEM SOFRIDO COM LOMBALGIA

O goleiro Felipe não foi relacionado para o jogo do último sábado, contra o Coritiba, por conta de uma lombalgia. Na ocasião, Marcelo Carné, o terceiro goleiro, acabou indo para o banco de reservas. Esta não é a primeira vez que Felipe sente dores nas costas, algo muito comum entre os goleiros, principalmente pelo regime de treinamento com muitos saltos e impactos.

O camisa 1 já havia sido liberado pelo departamento médico na última sexta-feira, mas preferiu concentrar com o grupo para dar força aos companheiros. Somente faltando duas horas para o time seguir para o Engenhão é que ele deixou concentração, na Barra da Tijuca.

Por meio de sua assessoria, Felipe confirmou que realmente está com uma lombalgia e não há nenhuma ligação o fato de ter sido barrado pelo técnico Joel Santana com a ausência no banco de reservas no jogo contra o Coritiba.

Felipe é aguardado no treinamento de amanhã, no Ninho do Urubu, quando o elenco rubro-negro se reapresentará depois de dois dias de folga.