Publicidade
Esportes
Craque

Governador Omar Aziz é homenageado no Centenário do Nacional e diz que quer o futebol amazonense de volta à elite

Segundo o governador, após a inauguração, a Arena do Amazonas não vai poder ficar ociosa, o que faz com que o Amazonas tenha que ter um futebol forte 06/12/2012 às 17:16
Show 1
Omar Aziz foi homenageado na ALEAM
Acritica.com Manaus (AM)

A cerimônia em homenagem ao centenário do Nacional Futebol Clube, na manhã desta quinta-feira, 6 de dezembro, na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam) revelou boas expectativas para o futebol amazonense.

A liberação dos recursos para a reforma do estádio da Colina, pertencente ao São Raimundo, a confirmação da inauguração da Arena da Amazônia para dezembro de 2013 e a intenção de alçar o Nacional à série B do Campeonato Brasileiro, foram anunciados pelo governador Omar Aziz, um dos homenageados do dia.

Ex-dirigente do clube da Vila Municipal, do qual hoje é presidente de honra, o governador afirmou que espera ver os times amazonenses voltarem a brilhar no cenário nacional. “É preciso fazer investimento e planejamento. Espero que o Nacional retorne à elite do futebol brasileiro nos próximos anos”, disse Omar Aziz.

Segundo o governador, após a inauguração, a Arena do Amazonas não vai poder ficar ociosa, o que faz com que o Amazonas tenha que ter um futebol forte.

“Espero que a direção do Nacional possa montar uma equipe boa para leva-lo a serie C em 2014 e em 2015 à série B. É possível. Tem que fazer um planejamento, montar uma boa equipe e uma boa comissão técnica”, destacou.

O governador disse que a ajuda aos clubes não se limita ao Nacional.

“Agora mesmo conseguimos R$ 21 milhões para a Reforma da Colina. Já foram depositados na conta R$ 10 milhões e vamos fazer a licitação. Vai ser um estádio que vai servir como centro de treinamento pra Copa de 2014, mas também para jogos em que o custo do Estádio é possível ser pago. É caro abrir um estádio do porte do Vivaldo Lima para fazer um jogo”.

A cerimômônia na ALE contou com a participação de torcedores, dirigentes e atletas do clube. Além do governador, foram homenageados com uma placa o presidente do time, o vereador Luiz Mitoso, os ex-presidentes Manoel do Carmo “Maneca” Chaves Neto, o procurador Evandro Farias, o ex-jogador Fausto Souza (PSD), que preside a Comissão de Esporte da Aleam, além do atleta Robson Ferreira da Silva “Garanha”.

Festa e vídeo do Centenário – Além do Nacional, o Rio Negro também completa cem anos em 2013. O Governo do Amazonas vai homenagear os clubes com a Festa do Centenário.

 Os detalhes do evento estão sendo definidos pelas secretarias estaduais de Cultura (SEC) e de Esportes (Sejel), que farão uma programação especial para o clássico que marcará a rodada inaugural do Campeonato Estadual, previsto para o dia 16 de fevereiro de 2013.

Por meio da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), o Governo do Amazonas realizou o concurso “Paixão Centenária” para a produção de um vídeo que demonstrasse a paixão dos torcedores pelos clubes Rio Negro e Nacional, que completam 100 anos de fundação em 2013.

O vídeo vencedor foi apresentado na Mostra Cine Copa Verde, realizada de 6 a 8 de novembro deste ano, integrando a programação de filmes da 9ª edição do Amazonas Film Festival, que aconteceu de 3 a 9 de novembro.

 À época do lançamento do concurso, o secretário estadual de Cultura, Robério Braga, disse que os vídeos foram uma forma de estimular não apenas a produção visual, mas, principalmente, a memória local, resgatando a história dos dois clubes.

Estádios são destaques – Durante a homenagem aos cem anos de fundação do Nacional Futebol Clube, na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), a importância da realização da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014, a construção da Arena da Amazônia e a reforma do estádio da Colina, em Manaus, foram destacadas pelos parlamentares e convidados.

O governador Omar Aziz afirmou que a primeira parte da verba destinada à reforma da Colina foi repassada pelo Governo Federal. O custo da reconstrução será de R$ 21 milhões, dos quais R$ 10 milhões já foram transferidos ao Governo do Amazonas.

Sobre a Arena da Amazônia, Omar reafirmou a previsão de que o novo estádio seja entregue em dezembro do próximo ano. “Antes da Copa ainda teremos quatro eventos-teste para avaliarmos o funcionamento da Arena com públicos que variam de dez a 40 mil espectadores. Até lá esperamos que o Nacional esteja na segunda divisão”, afirmou o governador.