Publicidade
Esportes
Craque

Iane Geber diz que perdeu o jogo por causa das contusões de Smith e Edinho Canutama

Os dois jogadores saíram de campo aos 30 minutos do primeiro tempo quando o jogo ainda estava 0 a 0. Time tem dois jogos para se classificar 12/04/2012 às 19:51
Show 1
Iane Geber - técnico do Rio Negro
Carlos Eduardo Souza Manaus (AM)

Apesar de ter duas partidas para garantir a classificação para as semifinais do segundo turno do Amazonense, o técnico Iane geber prevê que haverá muitas dificuldades nos dois últimos jogos - Fast Clube e Operário.

Para o treinador, perder Smith e Edinho foi determinante para o Galo ser derrotado pelo Holanda na tarde desta quarta-feira. Segundo ele, quando olha para o banco de reservas não vê peças de reposição e com isso, o time cai de produção.

"Já não estou pensando na derrota de hoje. Nós temos dois jogos difíceis e,s e os jogadores não se recuperarem vai ser muito difícil se classificar. Até porque o Maranhão também está no sacrifício", disse o técnico do Rio Negro.

Iane também reclamou do terceiro gol do Holanda. Segundo ele, a assistente Anne Kezy Gomes de Sá levantou a Bandeira quando o volante Drawlid dominou a bola no peito.

"Ele dominou na mão. Todos viram. Ela (Anne Kezy) levantou e não correu para o meio campo. O juiz foi muito fraco e deu o gol. Poderíamos estar classificados", afirmou Iane.

O próximo compromisso do Rio Negro será na próxima quarta-feira, às 20 horas, no Estádio do SESI. Depois, o clube finaliza a participação no segundo turno contra o Operário, em Manacapuru.