Publicidade
Esportes
Inverno Amazônico

Índice de chuvas em Manaus é considerado normal, mas situação no interior já preocupa

Apesar do índice de chuvas em Manaus estar dentro da normalidade, a situação pode se agravar no interior, onde os níveis se elevam desde dezembro 09/01/2012 às 07:53
Show 1
Em Manaus, nível pluviométrico deve chegar a 264 mm em janeiro, ainda na normalidade
Maria Derzi Manaus

O “inverno amazônico” chegou e, com ele, as preocupações com a influência que o período de chuvas traz para o clima do Estado. Segundo o Instituto Nacional de Metereologia do Amazonas (Inmet/AM), no interior, a situação se agrava porque os níveis pluvimétricos estão se elevando gradativamente desde dezembro. Em Iauaretê, distrito de São Gabriel da Cachoeira, o nível das chuvas chegou 501,3 mm (normal: 241).

Em Fonte Boa, o nível normal é de até 199 mm, mas ultrapassou 258 mm. Já a Defesa Civil aponta que os municípios de Eirunepé, Ipixuna, Guajará e Envira estão em alerta devido à influência das chuvas no nível dos rios. Houve a alteração do comportamento climático hidrológico e a antecipação do período de chuvas na região do Juruá, previsto para o final de janeiro.

Apesar das fortes chuvas que atingem a capital, o Inmet/AM avalia que os níveis pluviométricos do Estado ainda estão dentro da normalidade. “No entanto, estamos apenas no início do segundo mês do período de chuvas, que compreende o intervalo entre dezembro a abril na região”, informa o chefe da Seção de Previsão de Tempo do Inmet/AM, Veríssimo Farias.

Segundo ele, no mês de janeiro o nível pluviométrico de Manaus deve chegar a até 264 mm para se manter dentro da normalidade. “Ainda será considerado dentro da normalidade se chover 20% a mais ou a menos que essa medida. Se chover de 350 mm a 400 mm, já estará extrapolando a medida da normalidade”, disse. O meteorologista explica que até a última quinta-feira, os níveis pluviométricos tinham atingido 77,4 mm. o que ainda está dentro da medida considerada normal. “O maior nível registrado nesses dias foi da chuva do último dia 3 de janeiro, que chegou a 64 mm, uma precipitação acima do nível. O normal seriam precipitações de ate 10 mm.”