Publicidade
Esportes
AJUDA

Irmãos realizam feijoada para arrecadar dinheiro para competir em campeonato

Dupla mirim é fera no tatame e vai vender feijoada para garantir as passagens e cobrir despesas para participar Brasileiro de Jiu-Jitsu 25/03/2017 às 12:05
Show 1208399
Ygor e Yago são experientes no tatame e já conquistaram mais de 100 medalhas, porém a dupla quer aumentar o estoque (Foto: Wal Lima)
Wal Lima Manaus (AM)

As disputas infantis do Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu serão realizadas no dia 23 de abril na cidade de Barueri (SP), e os irmãos Ygor, 8, e Yago Baia, 10, serão nossos representantes do Amazonas nas disputas. A única barreira até agora para eles viajarem ao campeonato é a falta de recursos para arcar com as despesas de passagens aéreas e hospedagem, que totalizam cerca de R$ 2 mil. E para conseguir o dinheiro, a família organizou um Feijoada Beneficente pelo valor de R$ 20, que será realizada amanhã (26), às 12h, na Academia Baia Filho, na rua São José, bairro Santo Antônio, Zona Oeste da cidade. Os interessados em ajudar e comprar os ingressos, podem entrar em contato por meio dos telefones: 99198-7864 ou 99272-8371.

Na busca por ajuda, a mãe dos meninos chegou a procurar algumas autoridades do meio esportivo, mas não obteve retorno. “É muito difícil a gente conseguir apoio com viagens. Os meninos já são conhecidos, têm vários títulos e são uma promessa no jiu-jitsu brasileiro, e mesmo assim não nos ajudam”, declarou Luciane Baia. A dificuldade já começa pelo pequeno espaço onde os meninos praticam as aulas da luta casada. Num pequeno tatame montado na varanda da casa deles, o professor e tio dos irmãos Baia Filho Filho, 24, atende para cerca de seis crianças da comunidade pelo Projeto Social Equipe Baia Filho, na Rua São José, número 13, bairro Santo Antônio, na Zona Oeste, e tem pretensões de aumentar os lutadores mirins. As aulas são ministradas de segunda à sexta, no horário das 17h às 20h.

Mais de 100 medalhas

O talento de Ygor e Yago Baia é tanto que a família toda se orgulha da coleção de medalhas guardada em casa. Juntos, eles chegam a somar mais de 100 medalhas conquistadas em campeonatos locais, nacionais e até fora do país. O caçula Ygor, por exemplo, conquistou o Mundial da modalidade em 2015 pela categoria por idade (até 7 anos - faixa amarela), e faturou a segunda colocação no Pan-Americano, que na época foi realizado na cidade de Belém (PA).

Já Yago defende a arte suave pela categoria por idade até 10 anos - faixa amarela. Em 2015 ele também se consagrou campeão brasileiro e mundial nos tatames e chegou inclusive a disputar o Mundial de Abu Dhabi, considerado um dos maiores eventos de luta casada do mundo, faturando o primeiro lugar no pódio no mesmo ano.

Serviço

O que: Feijoada Beneficente

Quando:26/03/17 (domingo)

Onde: Academia Baia Filho - Rua São José, 13, Santo Antônio

Quanto: R$ 20

Informação: 99198-7864