Publicidade
Esportes
Craque

Jogador que agrediu árbitro no Amazonas foi excluído do Campeonato e pode cumprir apenas dois jogos

O jogador ainda vai ser julgado no Pleno do TJD. O jogador estava suspenso preventivamente por 30 dias e não atua mais nas duas partidas do Clube 19/04/2012 às 22:07
Show 1
O volante Derlan, do Iranduba (AM) agride o árbitro João Batista Cunha Brito
Carlos Eduardo Souza e Lorenna Serrão Manaus (AM)

O volante Derlan, do Iranduba (AM), integrante da primeira divisão do Campeonato Amazonense, que agrediu o árbitro João Batista Cunha Brito foi julgado pela 1ª Comissão Disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva do Amazonas (TJD/AM) foi excluído do Campeonato Amazonense 2012.

O advogado do Iranduba, Antonio Policarpo Rios Roberto havia pedido pena mínima para o jogador, que seria de 240 dias, o que foi confirmado pelo relator Wallace Farias Rocha, e foi acompanhado pelos auditores José Lima de Araújo e Francisco Carlos Araújo.

Depois dos votos dos auditores, o relator resolveu mudar o voto e optou pela exclusão do Campeonato Amazonense 2012.

Caso o time não consiga a classificação para as semifinais do Segundo Turno, a pena do jogador será de apenas duas partidas – contra Penarol e Fast Clube. Se o Iranduba conseguir a classificação, Derlan cumprirá quatro jogos e, em caso de o time vencer o Segundo Turno, mais dois jogos.

Nesse caso a pena máxima do jogador pode chegar a seis partidas.  Independentemente de um provável recurso por parte do advogado do Iranduba, Antonio Policarpo Rios Roberto, Derlan ainda vai ser julgado no Pleno do TJD/AM.