Publicidade
Esportes
GUERREIRAS DO HULK

Jogadoras do Iranduba dão palestra sobre futebol feminino para alunos de ensino médio

Jogadoras e diretoria do Iranduba contaram como é a vida de jogadora de futebol para adolescentes da Zona Oeste de Manaus 16/03/2017 às 22:26 - Atualizado em 17/03/2017 às 12:18
Show irandubay
As jogadoras palestraram, bateram uma bola e tiraram fotos com os alunos (Foto: Reprodução Iranduba)
Camila Leonel Manaus (AM)

Sensação de público em jogos no ano de 2016, o Iranduba quer se aproximar ainda mais da torcida amazonense. Na semana em que estreia em casa pelo Campeonato Brasileiro, as guerreiras do Hulk visitaram a Escola Estadual Maria Rodrigues Tapajós, no bairro Redenção, Zona Oeste de Manaus, para falar um pouco sobre o futebol feminino para cinco turmas do ensino médio.

As palestrantes desta quinta (16) foram as jogadoras Elisa, Maísa e Thaís juntamente com o diretor de futebol do clube, Lauro Tentardini e o auxiliar Thompson Leal. Além de contar suas histórias com o futebol, as jogadoras responderam perguntas sobre a modalidade e dificuldades enfrentadas durante a carreira.

De acordo com o diretor Lauro Tentardini, a palestra pode ser a primeira de várias outras em diversas escolas de Manaus e feitas nas semanas em que o Hulk da Amazônia vai jogar na capital amazonense.“Não vai ser nenhuma ação isolada. Temos esse planejamento desde o ano  passado. A escola nos fez o convite e como deu tudo certo, posso dizer que foi melhor que esperado com certeza. Pode esperar que vamos fazer em mais colégios e a ideia é fazer quando tivermos próximo de jogos ou eventos importantes em Manaus dependendo da nossa agenda de viagens e quantidades de jogos na semana”, explicou.

De acordo com a meia Thaís, as perguntas mais freqüentes foram: como é aguentar a pressão longe de casa? Há preconceito no futebol feminino, ou se algumas das jogadoras já passaram por isso. Questões sobre dificuldades para ser uma atleta e o salário também foram levantadas pelos alunos.

A jogadora frisou a importância de encontros como este para as atletas e disse que além das explicações, o tempo com os alunos também é uma diversão.

“Para a gente é muito importante, pois tendo o carinho da comunidade e o apoio deles junto a gente será muito favorável em jogos dentro de casa até mesmo fora. E também esse contato em escolas é muito importante para demonstrar aos alunos que esporte traz benefícios e até é uma diversão pra gente poder tirar um tempinho e estar perto da comunidade, se divertindo e passando uma ideia sobre o futebol feminino”, disse.

Duas meninas na platéia manifestaram o sonho de jogar futebol e até bateram uma bola com as jogadoras.Outros mostraram interesse em ir para o jogo de domingo contra o São Francisco, às 17h de domingo (19) no estádio Ismael Benigno. “Eles até fizeram um grupo no WhatsApp para se combinar de ir ao jogo”, acrescentou a atleta.