Publicidade
Esportes
FUTEBOL

Manaus e Princesa do Solimões se enfrentam na final do Barezão nesta quarta-feira (4)

Uma vitória no duelo vale R$ 500 mil pela participação na Copa do Brasil e um calendário para o ano que vem. O jogo começa às 20h na Arena da Amazônia 04/04/2018 às 13:00
Show zcr0404 01f
(Foto: Gilson Mello)
Camila Leonel Manaus (AM)

Mais que um título de turno, uma vitória no duelo entre Manaus FC e Princesa do Solimões na final do Campeonato Amazonense de Futebol 2018, o Barezão, vale R$ 500 mil e um calendário para o ano que vem. Este é o principal objetivo das duas equipes que se enfrentam nesta quarta-feira (4), às 20h, na Arena da Amazônia, em Manaus.

A quantia é correspondente ao valor que um clube recebe da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pela participação na Copa do Brasil. O clube que vencer o turno também garante vaga na Série D do Campeonato Brasileiro e é de olho nisso que o time do Princesa entrará em campo.

“A gente até brinca que é o jogo de meio milhão, mas sabemos que além disso tem o calendário com Copa do Brasil, Copa Verde então sabemos da importância desse jogo e espero que a gente saia com o resultado positivo porque o futebol amazonense é assim: tem que projetar para jogar essas competições no ano que vem”, comentou o goleiro do Tubarão, Darlan.

O time de Manacapuru desde 2014 vinha figurando ano após ano nas competições nacionais, mas no ano passado acabou ficando sem calendário. Em 2018, o Tubarão do Norte disputou apenas a Copa Verde por ser o melhor time amazonense no ranking da CBF.

“A meu ver o título é simbólico, mas para as pretensões do Princesa é importante em função das vagas que se conquistam com esse título do turno. Espero um grande jogo. O futebol do Princesa é qualificado e tem  mostrado isso durante o campeonato”, pontuou o técnico Alberone. O Manaus também está de olho no calendário. Atual campeão amazonense, o Gavião vem experimentando o gosto de aparecer em competições nacionais e quer se manter como representante do Amazonas. “A gente quer buscar essa vaga que dá calendário para o ano que vem e se manter a nível nacional. Isso é importante. Temos respeito pelo Princesa, que tem um bom treinador, uma equipe qualificada, mas vamos em busca disso”, disse o técnico Igor Cearense.

Ataque x defesa

No Campeonato Amazonense, o Princesa tem cinco vitórias, dois empates e uma derrota em nove jogos, contando com a fase de mata-mata, e levou sete gols, sendo a defesa menos vazada do Barezão. Do outro lado, o Manaus FC tem o melhor ataque da competição com 19 gols marcados. Consciente do que vem pela frente, o time do Princesa tem treinado para neutralizar as armas do  Manaus.

“Sabemos da competência do ataque do Manaus, mas sabemos da competência da nossa defesa até porque somos a defesa menos vazada do Campeonato”, disse o zagueiro Elton, que ano passado jogava no Manaus. Porém, a esta altura do campeonato, onde todo mundo já sabe como o adversário joga, o importante é se prevenir e para o goleiro Darlan, um dos pontos fortes do Manaus é a bola aérea.

“Nós jogamos uma partida contra o Manaus sofremos um pouco nesse aspecto da bola parada. O Hamilton realmente é um cara que nos preocupa, se posiciona muito bem na grande e pequena área e tem um bom cabeceio. Estamos nos preparando e creio que o professor deve fazer um trabalho específico aí visando essa questão”, disse.

Ficha Técnica

Manaus FC: Jonathan, Igor, Paulão, He Man, Negueba, Panda, Juninho, Cleitinho, Hamilton, Rossini e Nena. Tec: Igor Cearense
Princesa: Darlan, Tico, Elton, Eric, Judá, Alberto, Toró, Kelve, Negrete, Randerson e Cleber. Tec: Alberone
Estádio: Arena da Amazônia
Hora: 20h
Árbitro: Freddy  Rafael Lopez Fernandez
Motivo: Final do 2° Turno do Campeonato Amazonense

Publicidade
Publicidade