Publicidade
Esportes
Craque

Manifestação por estádios lotados acontece hoje, em Manaus

O evento, que consiste em mobilizar os torcedores, é organizado por todos os presidentes de torcidas organizadas e tem o objetivo de conscientizar, ouvir sugestões e fazer com que os amantes do futebol voltem a prestigiar os times do Amazonas 27/01/2012 às 10:12
Show 1
Quarteto Pela ordem: Japiim (Nacional), Ian (Rio Negro), Elias (Fast) e Wilson (Narraça)
Roberto Araújo Manaus

O Largo de São Sebastião sediará o primeiro encontro entre torcedores de clubes Amazonenses, às 17 h desta sexta-feira (27). O evento, que consiste em mobilizar os torcedores, é organizado por todos os presidentes de torcidas organizadas e tem o objetivo de conscientizar, ouvir sugestões e fazer com que os amantes do futebol voltem a prestigiar os times do Amazonas nos estádios.

O encontro denominado “A Hora do futebol Amazonense” pretende reunir até mesmo famílias que respiram futebol diariamente - casais, irmãos, pais e filhos que defendem bandeiras dos times do Estado. Uma demonstração de convivência harmônica que a paixão clubística ficou esquecida no tempo.

A ideia é que as pessoas que irão prestigiar o evento compareçam trajando uniformes de clubes amazonenses, já que o movimento tem o objetivo de chamar atenção dos torcedores que deixaram um pouco de lado futebol local para apoiar clubes de fora. “Temos que resgatar a essência do nosso futebol, caso a pessoa não tenha camisa de um dos clubes, pedimos que compareça com vestimenta neutra para não descentralizar o foco do evento”, afirma o idealizador do movimento Deyvid Jhonatan.

As uniformizadas estão prometendo comparecer em massa para essa ação. “É de suma importância para o futebol local essa iniciativa. Vamos aderir essa campanha, sabemos que é uma semente que estamos plantando agora e no futuro de certeza vamos colher bons frutos. Os presidentes não investem porque a torcida não comparece, consequentemente o clube não tem retorno e a torcida não vai aos jogos porque o time não é capaz de alegrar a torcida”, analisou Wilson Machado, presidente da Narraça.

“Amantes do futebol do Estado, não tem desculpa para não comparecer e lotar o Largo! Vamos fazer uma grande manifestação harmônica com camisas, faixas e bandeiras dos clubes e chamar a torcida ‘Baré’ que há muito tempo não comparece aos estádios, junte-se a nós que sempre acreditamos no futebol do amazonas e não desistimos jamais! É dia de comemorar, celebrar e confraternizar!”, convida Elias Abensur.

Apesar de muitos serem favoráveis à manifestação, existem torcedores que são contra.

O presidente da Furacão Azul, torcida organizada do São Raimundo, João Paulo, é totalmente desfavorável a esse movimento.

“Não é uma manifestação que vai trazer os torcedores aos estádios. Os jogadores têm que mostrar bom futebol para dar alegria é fazer com que a torcida acredite no time e compareça aos jogos”, finaliza.