Publicidade
Esportes
Craque

Maratona do Brasileirão: Campeonato começa apontar o destino de cada time

O Fluminense já abre 12 pontos de diferença ao quarto colocado, mesma pontuação que, curiosamente, o lanterna Atlético-GO tem para o Coritiba, o último antes da zona de rebaixamento  09/10/2012 às 10:03
Show 1
Fred e Bruno Mineiro, do Sport, brigam pela artilharia do Brasileirão, com 14 gols cada
Jornal A Crítica Manaus

A tônica deste Brasileirão todo mundo já conhece: os de cima sobem, e os de baixo descem. Com as vitórias dos cinco primeiros colocados e as derrotas dos quatro últimos, o campeonato começa a apontar os prováveis destinos de cada time. Avassalador, o Fluminense já abre 12 pontos de diferença ao quarto colocado, mesma pontuação que, curiosamente, o lanterna Atlético-GO tem para o Coritiba, o último antes da zona de rebaixamento.

Com a eficiência de Fred, artilheiro ao lado de Bruno Mineiro com 14 gols, o Tricolor Carioca prevaleceu nos dois últimos clássicos que disputou e já coloca uma mão na taça. Com um aproveitamento de 73,8%, o time tem 82% de chances de título e a vaga na Libertadores de 2013 praticamente consolidada, segundo os matemáticos.

 No entanto, o massacre de 6 a 0 do Atlético-MG sobre o Figueirense serviu para lembrar que nada está definido. O Galo deixou escapar a liderança após estar no topo por 15 rodadas, mas depois que largou a ponta viu a situação desandar. Só no segundo turno, o clube é o décimo colocado.

Bem próximos estão Grêmio e Vasco, que seguem vencendo partidas importantes e segurando as pontas no G4. O Bacalhau, aliás, tem uma espécie de final na próxima rodada, pois enfrenta o São Paulo, quinto colocado, que pode diminuir a diferença de quatro para um ponto. O Tricolor Paulista está no embalo de quatro jogos de <br/>invencibilidade.

Esse duelo interessa também aos inconstantes Internacional e Botafogo, que precisam reagir imediatamente caso ainda vislumbrem uma vaga no torneio continental. Para isso, o Colorado precisa vencer o vice-líder Atlético-MG, enquanto o Glorioso encara o Santos “Sem Neymar” Futebol Clube, este que, se realmente existisse, estaria brigando com o Atlético-GO para largar a lanterna.

A 28ª rodada serviu também para dar ânimo ao Náutico. O Timbú chegou aos 37 pontos com a vitória sobre o Corinthians e, acredite ou não, tem chance, mesmo que inimaginável, de chegar ao G4. Objetivo praticamente impossível para o melhor representante nordestino da competição, mas a distância do rebaixamento já vale a comemoração.

Sem muito o que comemorar está o Cruzeiro e a Portuguesa, que vêm em seguida na tabela e se enfrentam na próxima rodada. O derrotado desse confronto pode ficar ameaçado, como ainda está o Flamengo, adversário de um imprevisível Corinthians nesta quarta-feira. Em situação parecida, o Bahia tenta manter a reação do returno contra o implacável Fluminense, em casa.

Mas o jogo da rodada será entre equipes que lutam para não cair. O Coritiba, 16º colocado com 32 pontos, enfrenta o Palmeiras, seis pontos abaixo. Uma vitória do Porco esquenta a briga contra o rebaixamento, enquanto qualquer outro resultado deixa a tradicional equipe paulista com um pé na <br/>Série B.

Para encerrar, na partida mais infortunada da rodada, Figueirense e Atlético-GO se enfrentam na disputa que define o lanterna do Brasileirão. Esse sim deve ser um jogo extremamente difícil. De assistir.

Artilharia
Bruno Mineiro surpreendeu todos na rodada ao marcar três gols contra o Sport e se isolar na artilharia, mas o atacante da Portuguesa tem na concorrência seu maior pesadelo: Fred marcou seu 14º gol, novamente em clássico, e já encostou.