Publicidade
Esportes
Craque

Morre Eurico Carvalho, torcedor símbolo do Rio Negro

Eurico foi o fundador da 'Galo Gay' uma das torcidas mais conhecidas do Amazonas. Torcedores lamentam morte do amigo 21/02/2013 às 13:10
Show 1
Eurico Carvalho (esq.) foi um apaixonado pelo Rio Negro
Anderson Silva Manaus

Alegre, feliz, amigo e apaixonado pelo Atlético Rio Negro Clube. Essas foram as definições dos torcedores do Rio Negro ao saberem da morte do companheiro de arquibancada Eurico Carvalho – fundador de umas das torcidas mais conhecidas do Amazonas; a  ‘Galo Gay’.

Eurico morreu na noite desta quarta-feira (20), no Hospital Pronto Socorro João Lúcio, localizado na Zona Leste de Manaus, onde estava internado em coma, desde o último domingo (17), quando caiu da escada da casa dele e bateu a cabeça.

A torcedora do clube Rosário Almeida, emocionada, não conseguiu esconder o choro assim que soube da perda do amigo.

“Ele era um amigo, um torcedor muito alegre que ajudava todo mundo. Uma pessoa querida por todos, toda Manaus conhecia ele. É uma tristeza muito grande”, lamentou Rosário que acompanhou os últimos momentos do amigo no hospital.

Membro da torcida jovem do Galo, Marcelo Amil conviveu com Eurico em diversos momentos e lembra que o torcedor viveu para o clube.

“Enquanto teve saúde ele viveu o Rio Negro. Ouvi que ele chegou a fretar um avião, uma vez, para a torcida assistir um jogo em Belém. Um cara divertidíssimo e super solícito a ajudar a todos ao seu redor. Foi uma honra conviver com ele”, disse o torcedor que pessoalmente pediu aos diretores do clube que prestem uma homenagem no jogo contra o São Raimundo, nesta quinta-feira (21), no estádio do Sesi.

“Pedi para que os diretores façam um minuto de silêncio antes do jogo. É o mínimo que podemos fazer. Acredito que o clube também vai colocar um símbolo preto na camisa”, finalizou.

O enterro vai ser realizado na tarde desta quinta-feira (21), no cemitério São João Batista, no bairro Nossa Senhora das Graças, na Zona Centro-Sul de Manaus.