Publicidade
Esportes
Craque

Nacional vence São Raimundo-PA por 2 a 0, no primeiro amistoso da temporada 2016

Partida amistosa foi realizada na noite desta quinta-feira (21) no estádio Carlos Zamith. Duelo contra o time paraense serviu para o Naça se preparar para as disputas da Copa Verde e Copa do Brasil 22/01/2016 às 00:24
Show 1
Nacional venceu amistoso contra o São Raimundo-PA por 2 a 0
Anderson Silva Manaus (AM)

Ainda que em caráter amistoso, a primeira partida do Nacional na temporada 2016 contra o São Raimundo-PA, na noite desta quinta-feira (21), no estádio jornalista Carlos Zamith, mas lembrava uma disputa acirrada de campeonato.

Convidado do anfitrião, o Pantera veio para Manaus com tudo pago pelo clube amazonense, que por vez não encontrou facilidades para vencer a partida por 2 a 0 dentro de casa. Os gols foram marcados por Osvaldir, aos 14 minutos, e Hugo, aos 43, ambos na segunda etapa de jogo. Além de entrosar e movimentar os jogadores para a disputa da Copa Verde, Copa do Brasil, Brasileiro Série D e o Campeonato Amazonense, os torcedores nacionalinos – em grande maioria no estádio – entre o público pagante de 1.025 pessoas, puderam conhecer os e avaliar os novos jogadores.

No próximo domingo, o Naça enfrenta o Penarol, em Itacoatiara (distante a 176 quilômetros de Manaus).

O jogo

A rivalidade Amazonas e Pará ficou escancarada logo nos primeiros segundos de jogo quando o meia Di Maria parou o veloz Sandrinho com um ponta pé, e acabou levando amarelo.  Aos seis minutos foi a vez do lateral do Naça, Nego, receber amarelo por entrada dura próximo da área do time do interior do Pará.

Com um jogo faltoso e cheio de reclamação de ambas as equipes, o Nacional ainda conseguia chegar com mais perigo. Mas somente aos 17 minutos, Charles cobrou falta próxima à área adversária e a bola passou por cima do travessão.

Quatro minutos depois foi a vez do Pantera. Em escanteio pela direita, Edson Belém resvalou na bola, que bateu na trave e por pouco não entrou. A resposta do Naça veio aos 30 minutos, Nego partiu em velocidade pela direita e tocou para Thiaguinho que mandou por cima do gol.

Sem muitas chances de gol no primeiro tempo, o jogo ficou marcado pelas reclamações e faltas cometidas pelas equipes.

Já na segunda etapa, o técnico Heriberto da Cunha promoveu as primeiras substituições. Quatro jogadores, de uma vez só (Hércules no lugar de Osmar; Álvaro no lugar de Thiaguinho; Roberto Dias no lugar de Fabiano; Rafael Silva no lugar de Rodrigo Dantas) entraram na partida e deram mais mobilidade e agilidade para o Leão da Vila. Enquanto o São Raimundo promoveu duas alterações. (Negueba no lugar de Renato; Manoel no lugar de Vinicius).

Com mais disposição e jogadores querendo mostrar serviço, o time Azulino foi com tudo para o ataque. Antes dos três minutos de jogo, Nego partiu em velocidade do meio de campo, se aproximou da área e chutou forte. A bola bateu na rede de fora do lado esquerdo do goleiro Carlão. No lance seguinte, Hércules mandou um balaço de fora da área que o goleiro espalmou pra fora.

Os lances só amadurecerem o gol do Naça, que veio aos 13 minutos. Osvaldir que tinha acabado de entrar no lugar de Nego, cobrou falta pra dentro da área e na disputa de bola com o meia azulino Sandrinho, o volante Ramon acabou desviado pro gol. 1 a 0. A arbitragem validou o gol para Osvaldir. Depois do tento, Heriberto da Cunha mexeu todo o time que não deu espaço para o São Raimundo, que passou a mostrar cansaço.

Cenas lamentáveis


Ainda com o placar parcial, a torcida jovem do Nacional protagonizou cenas lamentáveis. Torcedores acenderam sinalizadores – fato proibido nos estádios – e o árbitro Antonio Carlos Pequeno Frutuoso paralisou a partida. Os torcedores ficaram inconformados e jogaram uma bomba próximo ao banco do próprio clube e membros da imprensa. Sem que os responsáveis fossem identificados, o jogo voltou ao normal, após cinco minutos de paralisação, e com amplo domínio do Nacional. O gol da vitória do Naça foi marcado aos 43, em cobrança de pênalti de Hércules. 2 a 0.

Ficha Técnica

Nacional x São Raimundo (PA)

Nacional

Roberto Gomes (Thiago), Nego (Osvaldir), Vitor (Edson Rocha), Fabiano (Roberto Dias), Radar (Rodrigo Fernandes), Cal (Hugo), Sandrinho (Max William), Osmar (Hércules), Rodrigo Dantas (Álvaro), Charles (Railson) e Thiaguinho (Rafael Silva). Técnico: Heriberto da Cunha.

São Raimundo (PA)

Carlão, Marcos Vinícius (Henrique), Edison Belém, Wanderlan, Renato (Negueba), Sandro, Vinícius (Manoel), Ramon, Carlinhos (Caçula), Jeferson e Di Maria (Mateus). Técnico: Samuel Cândido

Motivo: Amistoso
Estádio: jornalista Carlos Zamith
Árbitro: Antônio Carlos Pequeno Frutuoso.
Público pagante: 1.025
Gols: Nacional - Osvaldir, aos 14 min do 2°T e Hugo, aos 43 do 2°T.