Publicidade
Esportes
TRANSFERÊNCIA

Neymar nega que dinheiro e protagonismo o levaram ao PSG

O astro brasileiro ainda enfatizou que espera poder se consagrar no PSG e elevar o clube francês a outro patamar no cenário europeu e do mundo 04/08/2017 às 09:22
Show neymar 2
O presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi, posa para foto ao lado de Neymar (Christian Hartmann/Reuters)
Estadão Conteúdo

Depois de uma polêmica e conturbada transação, confirmada na última quinta-feira e que se tornou a mais cara contratação da história do futebol, Neymar foi oficialmente apresentado nesta sexta, na capital francesa, como novo jogador do Paris Saint-Germain. O clube francês aceitou pagar os astronômicos 222 milhões de euros (aproximadamente R$ 819 milhões) pela rescisão do contrato do atacante com o Barcelona e o brasileiro também se tornou o jogador mais bem pago do mundo.

Apesar de tudo isso, Neymar negou de forma categórica nesta sexta que o dinheiro tenha pesado para a sua decisão de sair do clube espanhol e garantiu que o fato de que agora passará a ser o grande protagonista de um clube, após deixar um time no qual o principal astro era Messi, "não influenciou em absolutamente nada" para que aceitasse a proposta da equipe francesa.

"Não influenciou. Não influenciou em absolutamente em nada, foi o meu desejo de vir ao Paris, foi o desejo de buscar algo diferente. Não era porque estava me sentindo incomodado, é muito diferente. Não é isso que quero, que vim buscar. Vim buscar algo novo, desafios. Vim buscar títulos, que é o que eu acho que esse clube merece e essa torcida merecem", ressaltou Neymar, na entrevista coletiva que concedeu ao lado do presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi.

O astro assinou contrato de cinco temporadas e a sua contratação superou com sobras a que até então era mais cara da história do futebol, ocorrida no ano passado, quando o Manchester United desembolsou 105 milhões de euros (aproximadamente R$ 387 milhões) para tirar o francês Paul Pogba da Juventus.

Neymar recebeu a camisa 10 com o seu nome nas costas e foi festejado por um grande número de torcedores no Parque dos Príncipes, estádio do PSG, desde as primeiras horas da manhã desta sexta. Ele também ingressou no gramado do estádio, onde posou para fotos com vários amigos que o acompanham de perto em solo europeu.

Mas a sua apresentação oficial não foi apenas de momentos de descontração. O atacante exibiu certo incômodo ao ser questionado sobre o que acha das pessoas que disseram que ele trocou o Barcelona pelo PSG principalmente por causa da proposta financeira altamente vantajosa que recebeu. Torcedores do clube catalão chegaram a queimar camisas com o nome do jogador nos últimos dias e muitos o acusaram se agir como um mercenário e de ser ingrato com o Barça.

"O que eu tenho a dizer a essa pessoas é que elas não sabem exatamente nada na minha vida. Nunca foi movido a dinheiro e dinheiro nunca foi a primeira coisa que eu pensei. A primeira coisa que eu penso é na minha felicidade e na felicidade da minha família. Eu sigo sempre o meu coração. Nunca joguei pelo dinheiro e só tenho a lamentar pelas pessoas que pensam dessa forma", desabafou Neymar.

E as palavras de Neymar neste aspecto foram endossadas por Nasser Al-Khelaifi, grande responsável por fazer o brasileiro trocar o Barça pelo PSG. "Posso garantir que não veio por dinheiro, poderia ganhar mais em outro lugar. Veio para fazer história no PSG, fazer história conosco", disse o dirigente, minimizando o fato de que esta é a maior transação do futebol em todos os tempos.

O astro brasileiro ainda enfatizou que espera poder se consagrar no PSG e elevar o clube francês a outro patamar no cenário europeu e do mundo. "Faltam palavras para descrever o momento que estou sentindo, empolgado para começar a treinar com os companheiros e buscar os títulos que esse time merece", disse Neymar, para pouco depois completar: "Vim para cá pela ambição que esse clube lhe tem, que é parecida com a minha, de querer vencer, de querer buscar algo maior, e aqui foi onde o meu coração pediu para eu ir. Estou aqui hoje e espero fazer o meu melhor para ajudar a nossa equipe e chegar aos maiores títulos"

Neymar também destacou que o seu grande sonho já a partir de sua primeira temporada pelo time é buscar o título da Liga dos Campeões, mas lembrou que há várias outras taças a conquistar. "O nosso objetivo maior é a Champions League, mas não é só a Champions, vamos buscar todos os campeonatos que a gente vir a participar", projetou.