Publicidade
Esportes
Futebol, Copa 2014, Fifa, Arena da Amazônia, Jérôme Valcke

Obras da Arena da Amazônia são consideradas adiantadas pela Fifa

Jeróme Valcke, secretário-geral da Fifa, considerou os trabalhos avançados e salientou que até 2014 obras de mobilidade urbana estejam prontas 28/08/2012 às 16:48
Show 1
Intérprete de Jérôme Valcke (de camisa azul) fala aos jornalistas, durante a coletiva
acritica.com Manaus

Apesar das obras da Arena da Amazônia serem o principal motivo da visita do secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, nesta terça-feira (28), em Manaus, a mobilidade urbana, deu o dom à coletiva improvisada no canteiro de obras do estádio da Copa de 2014.

Acompanhado do ex-jogador de futebol, Ronaldo Fenômeno, do vice-governador José Melo, e do secretário-executivo do Ministério dos Esportes, Luis Fernandes, Valcke considerou os trabalhos do estádio adiantados.

Indagado a respeito do deslocamento de pessoas, ou melhor, da mobilidade urbana - cujas as obras ainda não saíram do papel -, ele salientou que até a Copa todas as obras estarão prontas.

"Todas as obras das demais cidades estão no mesmo ritmo. A preocupação da Fifa diz respeito à mobilidade urbana, mas estamos na expetativa de que até a Copa tudo esteja pronto", declarou, o francês por meio de uma intérprete.

De acordo com o Luis Fernandes, a principal discussão em Manaus, se deu em relação à mobilidade urbana, entretanto, todos estao convictos de que o deslocamento das pessoas do aeroporto e de outras áreas da cidade até a Arena da Amazônia será atendido a contento, até o ano da copa.