Publicidade
Esportes
Craque

Peladão 40 anos: Arsenal é o time que mais brilhou na disputa

Maior campeão, único tetra e com um total de sete taças, Arsenal é sinônimo de conquista 28/09/2012 às 09:12
Show 1
Maior campeão, único tetra e com um total de sete taças, Arsenal é sinônimo de conquista
Antonio Melo Manaus

Se o clube inglês Arsenal Futebol Clube é o terceiro time com maior título do Premier League (Liga de Futebol Profissional da Inglaterra), o Arsenal Trigolar é o time que mais brilhou no maior Campeonato de Peladas do mundo. São sete títulos em 37 participações das 39 edições da competição. Formado por um grupo de amigos da Colônia Oliveira Machado, Zona Sul, a equipe entra para galeria como o maior bicho-papão do Peladão, por ter levado mais vezes o troféu para sua casa.

De acordo com um dos fundadores e presidente do Arsenal, Ataíde Martins, 57, o nome não tem ligação com o time da Inglaterra, mas é uma homenagem a uma rua do bairro com o nome de Arsenal da Marinha.

Ataíde conta a trajetória do time e recorda o inicio de tudo, o prazer de ser o time com maior número de títulos da história. “Nós não tínhamos conhecimento um do outro aqui. Conhecia o Gongazaga apenas de vista, mas nós tínhamos uma pelada perto de casa. E comentei que se a comunidade aceitasse, eu dava o material e formávamos o time” recorda.

Em 39 edições do Peladão o time ficou fora em apenas duas edições. E a equipe que atualmente desfruta apenas da pelada do fim de semana, afirmou que na época todos os jogadores jogavam o campeonato por amor à camisa. “Uma cervejinha e um tira gosto era sempre bom após os jogos. Gostávamos tanto de futebol que as conquistas eram só consequência dessa paixão”, afirma o ex zagueiro Aristide Leão, hoje aos 54 anos.

O centro avante Luiz Gonzaga, 53, um dos fundadores da equipe, falou da emoção e do prazer de construir uma história de vitórias dentro da competição. Tempos em que Manaus era uma cidade pacata. “A emoção é de um peladeiro que defende uma comunidade onde havia muitas dificuldades e tentávamos  mostrar o lado bom do bairro por meio do esporte. Conseguimos mudar o conceito do nosso bairro. Foi uma época de união, amigos e família e muito trabalho de todos”.

Dez vezes não é pra qualquer um
“A vida é como um jogo de futebol, cada lance pode definir sua trajetória”.  É com essa frase do pensador inglês  Mikael Johnathan, um grande aficionado pelo esporte, que o ex-atacante do Arsenal Trigolar, Luiz Gonzaga, 53, define sua história. Foram dez títulos na competição, o que faz dele o maior campeão individual do Peladão que se tem notícia. Troféus e recordações de uma carreira vitoriosa são guardados na memória do jogador.

Antes de montar o brilhante time do Arsenal em 1987, o atleta se aventurou em outros campos e atuou pelo Tuna Luso da Praça 14, sendo três vezes campeão em 80, 82 e 84. Com bagagem e o talento de um vencedor, o peladeiro levou toda sua experiência para a Colônia Oliveira Machado, onde levantou o troféu sete vezes.

“Na época  formávamos um time de comunidade, por amizade e amor à camisa. O Peladão era sinônimo de prazer e diversão, além de ver todos os seus familiares torcendo por você na beira na arquibancada. isso não tinha preço. Tudo isso nos motivava a dar o nosso melhor".