Publicidade
Esportes
Craque

Presidente da CBF afirma que dificilmente novo técnico da seleção será estrangeiro

“Temos bons profissionais no Brasil e dificilmente teremos um estrangeiro. Vamos esperar o término do Brasileiro. O nome será divulgado no início de janeiro em coletiva na sede da CBF”, declarou José Maria Marin 26/11/2012 às 12:34
Show 1
José Maria Marin, presidente da CBF
acritica.com ---

Durante a abertura da Soccerex, nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro, o presidente da Confederação Brasileira de Futebol – CBF, José Maria Marin, falou pela primeira vez sobre o novo técnico da Seleção e afirmou que dificilmente será um estrangeiro, dando indícios de que a chegada de Guardiola é algo totalmente improvável.

“Temos bons profissionais no Brasil e dificilmente teremos um estrangeiro. Vamos esperar o término do Brasileiro. O nome será divulgado no início de janeiro em coletiva na sede da CBF”, disse Marin.

Os nomes mais fortes de treinadores para assumir a seleção são: Felipão, que foi eleito pelos internautas do acrítica.com como o favorito para comandar a equipe canarinha, Muricy Ramalho, do Santos, e Tite, do Corinthians.

Guardiola também está entre os preferidos dos brasileiros, mas no que depender de Marin parece que ainda não será dessa vez que ele irá assumir a seleção.

Sobre os critérios para a escolha do comandante que deve conduzir o Brasil na Copa de 2014, ele explicou.

“O novo técnico tem que ter o perfil vencedor para que possa chegar ao tão sonhado título em casa - concluiu o presidente da CBF”.