Publicidade
Esportes
Craque

Prestes a completar 100 anos, Nacional projeta 2013 com cinco mil sócios torcedores

Os descontos nos locais variam entre 10 e 50%. A meta do clube é fidelizar 5 mil sócios até janeiro de 2013, o que garantiria uma receita de R$ 70 mil mensais aos cofres do clube 27/06/2012 às 13:23
Show 1
Mitoso acredita que cartão será de grande sucesso no Amazonas
Acritica.com Manaus (AM)

Nacional Centenário do Leão cheio de novidades Márcio Silva Vai até dezembro Luis Mitoso afirma que não será candidato

O Nacional completa 100 anos em 2013 e a diretoria do clube já começou alguns projetos para fazer com que o ano do centenário seja inesquecível para o maior campeão do Estado.

O clube será tema da escola de samba Vitória Régia, da Praça 14, no Carnaval do ano que vem. Além disto, o projeto de sócio torcedor do Naça, lançado durante o Campeonato Amazonense, deve começar a “bombar”.

Em coletiva de imprensa, o presidente Luis Mitoso anunciou que os 2.220 sócios que fizeram o pré-cadastro no site do clube, já podem pagar as mensalidades (R$ 20) e começar a usufruir dos descontos da “rede Leão de vantagens” (que inclui até o momento 29 estabelecimentos entre faculdades, cursos de idioma, lojas de roupas, salões de beleza, óticas e livrarias).

Os descontos nos locais variam entre 10 e 50%. A meta do clube é fidelizar 5 mil sócios até janeiro de 2013, o que garantiria uma receita de R$ 70 mil mensais aos cofres do clube.

Esse é um modelo para o futuro. O projeto pode tornar o Nacional totalmente independente e sustentado pela torcida”, frisou Mitoso. O presidente, que encerra o mandato em dezembro e não será candidato à reeleição não quis falar muito sobre os planos do clube para dentro de campo.

Questionado sobre a permanência ou não do técnico Aderbal Lana (campeão pelo clube nesta temporada que disparou críticas à diretoria após o título), Mitoso desconversou.

“Não adianta eu impor nada, se outra pessoa vai assumir a presidência. O que eu posso é ajudar no planejamento por enquanto. Quando deixar o cargo de presidente, viro conselheiro do clube. Conselho eu nunca vou deixar de dar. Se vão cumprir ou não, é outra história”, declarou Mitoso.