Publicidade
Esportes
Craque

Princesa do Solimões volta a sorrir e aposta fichas no segundo turno

Após duas desclassificações nacionais e a três partidas sem vencer no Campeonato Amazonense, o Princesa vê 'nuvem negra' se esvair depois da honrosa vitória sobre o Fast 16/04/2015 às 20:50
Show 1
Clima no treino do Tubarão era outro após a vitória sobre o Fast
Felipe de Paula Manaus (AM)

Após duas desclassificações nacionais e a três partidas sem vencer no Campeonato Amazonense, o Princesa voltou ao sorrir. No dia seguinte após a honrosa vitória sobre o Fast, o time treinou em Manacapuru em um clima mais leve do que o que vinha enfrentando nas últimas semanas.

O Tubarão de Manacapuru, que vinha enfrentando problemas que vão das lesões de alguns jogadores a polêmicas como a agressão do atacante Nando a um torcedor nacionalino, vê a nuvem negra que parecia pairar sobre o time e se afastar gradualmente, o que também se reflete dentro de campo.

“A gente estava com falta de sorte, a bola não estava entrando. Estávamos jogando bem, como jogamos contra o Nacional”, diz atacante Léo Paraíba, que aposta todas as fichas do Princesa no segundo turno da competição. “Esperamos deslanchar e conseguir nosso objetivo que é chegar em primeiro ou segundo na classificação”, diz o jogador, para quem “o clima está bom” no CT do Tubarão.

Na primeira partida do returno, o Princesa enfrenta o Operário, sábado, às 15h30, no Valdizão. Destaque para a volta do lateral esquerdo Jayme do DM, além de Delciney, Baé e Nando, que estavam suspensos.

Na estreia do campeonato, o Tubarão enfrentou o rival de Manacapuru Operário, com quem empatou na estreia do campeonato em 3 a 2. O técnico Zé Marco espera outro jogo difícil “Temos encontrado dificuldade com times mais abaixo na tabela, pois vêm muito fechados”, disse ele.