Publicidade
Esportes
Craque

Púbis afasta Carlos Alberto do Palmeiras

Exames médicos acusam problema e possibilidade de cirurgia no meia faz Verdão frear negociação. Atleta será reavaliado 09/01/2012 às 09:26
Show 1
Problema no púbis pode impossibilitar Carlos Alberto de fazer dupal com Valdivia
Lance ---

O meia Carlos Alberto está mais distante do Palmeiras. Dessa vez, não são as questões financeiras que atrapalham o sucesso da negociação. Na realidade, o jogador apresentou problemas durante os exames médicos realizados na última sexta-feira, o que deixou os palmeirenses preocupados.

Nesta segunda-feira, ele vai passar por uma reavaliação para a diretoria se pronunciar oficialmente sobre o caso.

As lesões não são novidades na carreira do atleta. Na temporada passada, jogou pouco pelo Bahia por causa desses problemas. Durante o Brasileirão, a principal preocupação foi uma pubalgia. O médico do clube baiano, Marcos Lopes, não descarta até a possibilidade de uma cirurgia (leia mais abaixo). Caso isso aconteça, a recuperação seria de quatro a seis meses.

Para evitar cobranças, a diretoria palmeirense ainda não descarta o negócio. A ideia é esperar por uma nova avaliação. Mesmo assim, o presidente Arnaldo Tirone já não mostra tanto otimismo.

– Por enquanto, ele não vem. Não houve acordo. Mas estamos conversando ainda – afirmou o dirigente em rápido contato com o LANCENET!.

Carlos Alberto não estava na lista de reforços do técnico Luiz Felipe Scolari. Por conta das poucas contratações, o comandante aceitou apostar no jogador mesmo com o histórico de problemas disciplinares.

A intenção da diretoria era fechar um contrato de risco com o meia para evitar problemas. Em busca de recuperação na carreira, o atleta estava disposto a aceitar a proposta.

Reforçar a meia é uma das prioridades. Antes de Carlos Alberto, o clube tinha negociado com Wagner, mas ele foi para o Fluminense. Daniel Carvalho aguarda liberação do Atlético-MG para fechar.

Lesões recentes:

Dores nas coxas
Carlos Alberto tem sofrido com os problemas musculares. Perdeu diversos jogos do Bahia no Brasileirão por conta de dores nas coxas. Em 2009, no Vasco, o jogador já apresentava o mesmo incômodo.

Problema no pé
O meia também desfalcou o time baiano por conta de uma inflamação no dedão do pé direito. O jogador sofreu essa lesão no fim de setembro e ficou mais de um mês afastado.

Pubalgia
A inflamação no púbis foi o grande problema enfrentado pelo meia em sua passagem pelo Bahia na temporada passada. Ele ficou afastado de muitos jogos por conta desse incômodo. A lesão agravou quando ainda se recuperava da inflamação no dedão do pé direito. Saiu do clube com a chance de ser operado.

Confira a análise de Marcos Lopes, médico do Bahia, sobre a situação de Carlos Alberto:

Ele saiu com a chance de passar por cirurgia

"Tivemos alguns episódios de lesão com o Carlos Alberto no Bahia: no adutor da coxa, trauma no dedo e uma pubalgia. Esses três eventos fizeram ele ficar um tempo afastado.

O jogador saiu daqui com a possibilidade de precisar fazer uma cirurgia por conta da pubalgia. O tratamento inicial sempre é conservador e você fica afastado por 90 dias. Tínhamos conversado que na volta das férias, ele poderia passar por essa operação, mas como ele saiu, não sei a conduta.

Esses 90 dias acabariam após as férias e serviriam para ter uma cicatrização. Se não tiver dor, pode jogar. Do contrário, pode passar a ter uma lesão mais crônica."